(Reuters) – As “quatro grandes” empresas de contabilidade poderiam ser desmembradas pelos planos do Partido Trabalhista britânico de reformular a indústria de auditoria, disse o porta-voz do partido John McDonnell ao jornal The Financial Times nesta sexta-feira.

Os legisladores acusaram a EY, a KPMG, a Deloitte e a PwC de serem um “oligopólio” que checa os livros de quase todas as 350 empresas líderes no Reino Unido, com rivais menores mal dando uma olhada.

As opções analisadas pelo Partido Trabalhista incluíam dividir as empresas ou estabelecer uma participação máxima no mercado de auditoria para cada empresa, disse McDonnell, segundo o jornal.

(Reportagem de Manas Mishra em Bengaluru)

Leia Mais:

Empresas notificadas pela Receita saiba como evitar a exclusão do Simples Nacional

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.