FGTS: Aplicativo falso de saque na Play Store fez mais de 100 mil vítimas

FGTS

Cada nova rodada de saques do FGTS são aberturas para novos golpes e ameaças virtuais

Cada vez que se anuncia novas informações de rodadas de saques do FGTS, novos casos de fraudes virtuais aparecem. A falta de informação rápida e precisa, somada à necessidade da população brasileira, acaba oferecendo o ambiente perfeito para golpes cibernéticos.

O aplicativo é um adware que se disfarça com o nome de “Saque FGTS – Nova Regra”. Ao baixar o aplicativo no aparelho, os usuários começam a receber uma série de anúncios incômodos. Com um pouco de experiência conseguimos perceber diversos indícios de um app falso, mesmo assim o aplicativo alcançou mais de 100 mil downloads.

A Kaspersky, empresa de segurança digital responsável pela descoberta, alertou o Google que no momento já retirou o aplicativo de circulação.

“Isso prova que não há nada ‘grátis’ no mundo digital, pois esses apps ganham dinheiro exibindo de forma agressiva anúncios ao usuário”. Disse, Fabio Assolini, analista sênior de segurança da Kaspersky.

Houve um crescimento de 100% no número de ataques de phishing relacionados ao FGTS, desde que o governo anunciou a liberação do saque, em julho. Em média, são 13 mil ataques desse tipo bloqueados por dia com o tema “FGTS”.

APP Falso de FGTS

A empresa de segurança registrou um crescimento de 100% no número de ataques de phishing relacionados ao FGTS. Os números passaram rapidamente de 40 mil para 80 mil em apenas alguns dias. De acordo com a empresa, cerca de 13 mil ataques desse tipo são bloqueados por dia.

Para evitar esse tipo de golpe é recomendado é muito importante se aos detalhes na página do aplicativo. A primeira coisa a se constatar é o desenvolvedor do app, que nesse caso deveria ser o Governo Federal. Outra coisa interessante a se notar são as imagens distorcidas e repetidas na página do aplicativo. Sempre prestar atenção na avaliação e ler os comentários. E recomendamos o uso de antivírus, nesse caso o Kaspersky conseguiu identificar e neutralizar o app falso rapidamente.

Fonte: Bruno Lugarini