Três lotes diferentes do Saque Emergencial do FGTS serão liberados neste mês de agosto pelo Governo Federal. Este mês recebem os brasileiros nascidos em julho, agosto e setembro.

Confira os dias em que cada mês vai receber:

Mês de nascimentoRecebe dia
Julho10 de agosto
Agosto24 de agosto
Setembro31 de agosto

Em primeiro momento o saldo será liberado em conta poupança social digital da Caixa, e poderá ser movimentado pelo aplicativo Caixa Tem, por ele é possível fazer pagamentos, realizar compras online pelo cartão de débito virtual ou ainda em lojas físicas através do QR Code.

Calendário completo

Nascidos emCrédito em conta poupança social digitalSaque em espécie ou transferência para outras contas
Janeiro29/06/202025/07/2020
Fevereiro06/07/202008/08/2020
Março13/07/202022/08/2020
Abril20/07/202005/09/2020
Maio27/07/202019/09/2020
Junho03/08/202003/10/2020
Julho10/08/202017/10/2020
Agosto24/08/202017/10/2020
Setembro31/08/202031/10/2020
Outubro08/09/202031/10/2020
Novembro14/09/202014/11/2020
Dezembro21/09/202014/11/2020

MP que liberou o FGTS caducou

A Câmara dos Deputados deixou a Medida Provisória 946/20 que estabelece o pagamento do FGTS Emergencial caducar, entretanto a Caixa Econômica Federal já informou que o calendário vai continuar inalterado.

O saque emergencial do FGTS de até R$ 1.045 já foi liberado em conta poupança social digital para os nascidos entre os meses de janeiro a junho. Na próxima segunda, 10 de agosto, os aniversariantes do mês de julho devem receber o saldo.

Como a pauta a pedido do governo federal foi retirada ontem (4), os trabalhadores nascidos nos meses de julho a dezembro ficaram sem saber se receberiam ou não o saque emergencial, uma vez que sem a votação, o projeto acaba perdendo sua validade.

Apesar da Medida ter sido caducada a Caixa Econômica Federal garantiu que seguirá com o cronograma do saque emergencial “com base no princípio constitucional da segurança jurídica”.

Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos deputados afirmou, logo após deixar caducar a MP que o saque extraordinário será objeto de um projeto de lei que deverá ser votada na semana que vem, no dia 12 de agosto.