Governo pode cortar desconto de 20% da declaração simplificada do IRPF

0

O governo estuda uma nova forma de garantir a continuidade dos programas sociais de auxílio e garantia da renda mínima.

A bola da vez é a redução das deduções do Imposto de Renda (IRRF), que pode perder o desconto de 20% para as declarações simplificadas.

Esta medida, se adotada irá atingir cerca de 60% dos contribuintes, algo em torno de 30 milhões de declarantes.

A ideia é manter as deduções com saúde e ensino que são realizadas para quem opta pelo modelo completo e acabar com o formulário simplificado.

Para facilitar seus processos  e proporcionar um desconto importante para quem não tem dependentes e outras fontes de renda, o governo criou o modelo simplificado há 45 anos.

O teto de desconto atualmente está em R$ 16.754,34 (ano) para quem optar por esta modalidade. 

dívida união

O imbróglio, que já vem proporcionando dor de cabeça aos economistas da Receita Federal e Ministério da Fazenda, da fonte de recursos que será usada pelo governo federal para o Renda Cidadã (novo nome proposto para substituir o Bolsa Família) chegou as deduções do IRPF após a análise de que o uso de precatórios como fonte poderia ser considera ilegal, ferindo o teto de gastos públicos.

A outra alternativa apresentada – o uso dos recursos do FUNDEB (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério) – poderia causar mal estar na sociedade pois estabeleceria cortes nos orçamentos ligados à pasta da Educação.

Outra medida esperada, mas ainda sem projeto tramitando e que fez parte do plano inicial de governo é o aumento da faixa de isenção do IRPF para algo em torno de R$ 5 mil, o que alcançaria uma parcela grande da população brasileira que hoje é tributada a partir do valor mínimo R$ 1.903,98. 

Dica Extra do Jornal Contábil : Aprenda a fazer Declaração de Imposto de Renda. Aprenda tudo de IR em apenas um final de semana

Conheça nosso treinamento rápido, porém completo e detalhado com tudo que você precisa saber sobre IR. No curso você encontra:

Conteúdo detalhado, organizado e sem complexidade, videoaulas simples e didáticas,passo a passo de cada procedimento na prática. 

Tudo a sua disposição, quando e onde precisar. Não perca tempo, clique aqui e aprenda a fazer a declaração do Imposto de Renda.

Original de Folha de São Paulo e Valor Econômico.

Fonte: Contabilizei