Honorários Contábeis: O jeito certo de calcular

0
68


Ganhar dinheiro, aumentar o número de clientes e conquistar segurança é o planejamento de quase todos os profissionais. Para estes, a melhor receita que posso indicar é calcular o preço de venda das mercadorias e serviços corretamente.

Há mais de dois anos venho sonhando realizar um encontro nacional de empresários contábeis para debater a precificação dos serviços. Calcular o valor justo do honorário relativo aos serviços prestados parece uma tarefa simples, mas tenha a certeza de que não é bem assim.

Sabemos que em todas as áreas de serviços, comércio e indústria, manter-se vivo não é tarefa das mais fáceis, pois alguns concorrentes, por diversos motivos (falta de conhecimento das técnicas para formar o preço, dificuldade de vendas, desespero para aumentar o seu ganho etc.) oferecem o fruto de seu trabalho por valores que nem sempre cobrem os custos (mas ele não sabe disso).

No meio empresarial contábil não é diferente. Qualquer pessoa sabe que se um contador pede R$ 1.000,00 para prestar determinado serviço haverá quem o faça por R$ 300,00, ou menos. Quem está certo? Inicialmente devemos afirmar que o preço de R$ 300,00 é aviltante, e talvez seja, mas é impossível assegurar que R$ 1.000,00 seja o valor justo.

Isto só pode ser respondido depois de apurados todos os custos envolvidos (diretos, indiretos e de comercialização) e acrescida, a margem de lucro. Não é simples manter o controle para formar o preço de venda com segurança, mas há métodos. Os métodos e ferramentas disponíveis dependem de cada um para ser colocados em prática, pois como ensinam as escrituras indianas: para conseguir dominar uma técnica é preciso intenção, disciplina e tempo.

Com esta preocupação o Sescap/PR promoverá, nos dias 26 e 27 deste mês, em Curitiba, o Fórum de Precificação dos Serviços Contábeis, que contará com a apresentação de cinco cases (RN, PA, SP, RS e PR). Este deverá ser o “pontapé inicial” para que a classe empresarial contábil brasileira empenhe-se na busca e na implantação de metodologias que lhe permitam conhecer todos os custos envolvidos para calcular o valor justo do honorário. Acreditamos que aqueles que sabem quais são os custos totais no honorário por cliente também saberão exigir um valor que lhe retorne lucro.

Fiquemos atentos às novidades e não permitamos que os outros avancem e nós fiquemos parados. Fazer uso das mais recentes ferramentas para vender, controlar os estoques, dinamizar a produção e reduzir a inadimplência é fundamental para qualquer empreendimento, mas isto de nada adianta sem a metodologia e a ferramenta adequadas para formar o preço de venda, pois é dele que extrairemos o lucro para manter a organização.

Após o evento, contarei em detalhes os resultados obtidos e os frutos que deveremos colher em alguns anos. Espero que a sua empresa faça parte deste projeto.

O jeito certo de calcular o honorário existe e isto não depende dos outros, mas somente de cada um de nós. Para encontrá-los é necessária disposição de querer e colocar em prática.

Gilmar Duarte da Silva é contador, diretor do Grupo Dygran, palestrante, autor do livro “Honorários Contábeis” e membro da Copsec do Sescap/PR.

[useful_banner_manager banners=7 count=1]