IMPOSTO DE RENDA 2016: APLICATIVO ESTÁ PRONTO E TEM NOVIDADES




Os brasileiros têm o hábito de deixar muitas tarefas para ‘cima da hora’, embora alguns também deixem para fazer a declaração do imposto de renda para o último dia, não é o que vem acontecendo ultimamente.

Como um dos pré-requisitos para a ordem de devolução dos valores do imposto de renda é justamente a data de entrega (entregou primeiro, recebe primeiro, se for o caso). E devido a possíveis ‘falhas’ de sistema congestionado como é comum de acontecer nos últimos dias para o envio, quem entrega a declaração do imposto de renda com antecedência, de fato, só tem a ganhar.

Pensando nesse público, a Receita Federal disponibilizou em seu site o aplicativo que permite ao contribuinte fazer um ‘rascunho’, de forma a saber se está tudo certo para o dia 1º de março, quando a Receita começará a receber o envio das declarações do imposto.



Todo o brasileiro que recebeu acima de R$ 28.123,91 durante o ano de 2015 é obrigado a fazer a prestação de contas ao governo, que estará recebendo o envio do imposto de renda até 29 de abril.

Anúncios

As regras para as declarações do imposto de renda de 2016 já foram publicados no Diário Oficial da União, através de instrução normativa enviada pelo governo.

Não pense que será uma perda de tempo fazer o rascunho de sua declaração. Haverá uma integração entre as duas plataformas, a de declaração e a do rascunho, onde poderá ser exportado todos os dados presentes no rascunho para o aplicativo definitivo de envio da declaração do imposto de renda de 2016.

No aplicativo de rascunho da declaração, todos os dados necessários para elaboração serão solicitados pelo programa: identificação, bens, rendimentos, dados do cônjuge, dentre outras informações.

Se este não for o primeiro ano em que você fará a declaração anual de imposto de renda, é possível exportar os dados em seu computador e integrá-los com a declaração de 2016. Sendo necessário apenas preencher os valores atualizados e informar se houve aquisição de algum bem no ano anterior. (Com Blasting News)

Comente no Facebook

Comentários

Facebook Comments Plugin Powered byVivacity Infotech Pvt. Ltd.

Comments are closed.