É nos primeiros meses do ano que a maioria das empresas realiza o pagamento aos trabalhadores da Participação nos Lucros e Resultados (PLR). E, é claro, o Leão sabe disso. Segundo a Receita Federal, a tabela anual que calcula o Imposto de Renda na fonte sobre essas participações segue a mesma em vigor desde abril de 2015.

 

Seguem isentos os rendimentos até R$ 6.677,55. A segunda faixa, com alíquota de 7,5%, abrange valores de R$ 6.677,56 a R$ 9.922,28, com parcela a deduzir de R$ 500,82. A terceira faixa, tributada em 15%, corresponde àquela entre R$ 9.922,29 e R$ 13.167,00, com dedução de R$ 1.244,99.

Na faixa seguinte, que tem alíquota de 22,5%, abrange valores de R$ 13.167,01 a R$ 16.380,38, com dedução de 2.232,51. Valores acima de R$ 16.380,38 serão taxados em 27,5%, com dedução de R$ 3.051,53.

De acordo com cada faixa, a Receita calcula o percentual da alíquota sobre o benefício e abate desse valor a parcela a deduzir correspondente, chegando ao que é devido pelo contribuinte.

Comente

Comentários

Deixe uma Dúvida