Começou a ser implementado nesta quinta-feira (20) pelo Instituo Nacional do Seguro Social (INSS) a prova de vida pro meio de biometria facial. Em primeiro momento 500 mil beneficiários de todo o país vão participar do projeto.

Por meio de SMS, Central 135 e e-mail, o INSS contactara os segurados para a realização dos testes.

O INSS entrará em contato com esses segurados nos próximos dias por meio de SMS, Central 135 e e-mail.

prova de vida é obrigatória para os segurados da Previdência Social que recebem seu benefício por meio de conta-corrente, conta poupança ou cartão magnético. É a comprovação de que estão vivos para que o governo federal evite fraudes e pagamentos indevidos.

Através da base de dados do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) será possível para o INSS a realização da biometria facial. Logo, os segurados selecionados serão os que possuem CNH (Carteira de Motorista) e também Título de Eleitor.

De acordo com o instituto essa primeira etapa será utilizada para realização de ajustes do procedimento digital, que em breve será implementado para todos os segurados.

É importante lembrar aos leitores que, o segurado que participar do projeto piloto da realização da prova de vida por biometria facial terá seu procedimento validado, ou seja, não se trata de apenas um teste.

De acordo com o INSS a expectativa é que o serviço de biometria facial esteja disponível para todos os segurados ainda em 2020, entretanto dependerá do resultado deste primeiro projeto-piloto.

Caso o beneficiário não possua acesso a um Smartphone ou internet, a prova de vida continuará sendo realizada nas agências.