Hoje (14), as agências do INSS – Instituto Nacional do Seguro Social, voltaram a atender de forma presencial, menos na cidade de São Paulo.

INSS

Atendendo à ação movida pelo Sindicato dos Trabalhadores do Seguro Social e Previdência Social, o TRF-3 (Tribunal Regional Federal da 3ª Região) decidiu suspender a reabertura das agências do INSS em São Paulo, programada para hoje. O INSS vai recorrer da decisão.

Fora da cidade de São Paulo, as agências voltam a atender, mas com algumas restrições:

Somente as pessoas com agendamento prévio deverão ir às Agências do INSS, cujo horário de funcionamento será das 7h às 13h, de segunda a sexta.

As pessoas não deverão procurar agendamento para aqueles serviços que podem ser feitos de forma remota; como por exemplo, uma aposentadoria, pensão, salário-maternidade, pois eles continuarão sendo realizados de forma remota.

Para ser atendido nas agências, as pessoas que agendaram horário, serão obrigados a usar máscara, ter a temperatura corporal aferida por meio de termômetro infravermelho. Se for constatada temperatura acima de 37,5 graus, o segurado não poderá entrar na agência, e será orientado a procurar um serviço médico.

As orientações incluem chegar pouco antes do horário marcado, para evitar a formação de filas, e manter o distanciamento mínimo de 1 metro das outras pessoas.

Servidores do INSS usarão equipamentos de proteção individual durante os atendimentos. No caso das agências que contarão com o serviço de perícia médica previdenciária, houve um reforço ainda maior nos protocolos de higiene.

Médicos peritos decidiram não voltar ao atendimento presencial no INSS
Todas as perícias médicas agendadas para os próximos dias foram suspensas, não tiveram remarcadas as datas para voltar, segundo informou o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

A decisão foi tomada depois que a ANPM (Associação Nacional dos Peritos Médicos Federais) anunciou que os médicos não voltariam a fazer atendimentos presenciais por falta de segurança.

“Destacamos que, o segurado que tinha agendamento para avaliação pericial, deve desconsiderar e proceder com a remarcação pelo Meu INSS e telefone 135.”.

Sendo assim, os serviços que poderão ser realizados presencialmente estão o cumprimento de exigência, avaliação social, justificação administrativa ou social (caso em que a pessoa precisa levar um documento para comprovar tempo de serviço que não está no cadastro oficial) e reabilitação profissional. Lembrando que será necessário agendamento.

O que é preciso para a perícia médica do INSS online?

A perícia online é a avaliação realizada a distância entre o servidor do INSS e o segurado. Ao invés de procurar uma agência do INSS, o segurado deve seguir as orientações repassadas pelo próprio Instituto para análise e conclusão do processo.

Um dos passos importantes é enviar todos os documentos de forma legível. Além disso, é necessário que o documento não tenha rasuras e possua a assinatura de um médico com o registro atualizado no conselho da classe.

Para saber o resultado, é necessário entrar no portal do INSS e clicar em “Acompanhar pedido” ou “Resultado”. Feito isso, em seguida basta fazer o login no sistema e visualizar os dados do processo.

Passo a passo para o envio do atestado médico

  • Acesse o Meu INSS (gov.br/meuinss) ou use o aplicativo para celular e selecione a opção “Agendar Perícia”;
  • Em seguida, selecione a opção “Perícia Inicial” e, depois, clique em “Selecionar”.
  • Na tela seguinte, responda a pergunta “Você possui atestado médico”, selecione “SIM” e clique em continuar.
  • Preencha as informações pedidas e clique em “Avançar”.
  • Na parte “Anexos”, clique no sinal + para inserir o documento
  • Ao abrir a tela, clique em “Anexar”.
  • selecionar o documento (seu atestado médico) que você quer anexar, clicar em “Abrir” e, em seguida, em “Enviar”.
  • selecione a agência desejada e clique em “Avançar”. Essa será a agência onde o benefício será mantido. A Previdência ressalta que o atendimento nas agências está suspenso temporariamente.
  • Quase no fim, marque a opção “Declaro que li e concordo com as informações acima” e clique em “Avançar”.
  • Se desejar, clique em “Gerar Comprovante” para que você o salve em seu computador ou celular.

Depois, você deverá esperar o INSS comunicar quando voltará a atender presencialmente as perícias médicas.

Edição por Jorge Roberto Wrigt Cunha – jornalista do Jornal Contábil