INSS: Saiba qual motivo poderá negar a antecipação do auxílio-doença de R$ 1.045

0

O INSS (Instituto Nacional do seguro Social) informa que vários motivos podem fazer com que o seu pedido da antecipação do auxílio-doença seja negado. O principal deles, é a falta de documentação.

A chegada da pandemia do novo coronavírus, dificultou o acesso às perícias médicas, isso poderá ter uma solução, ao ser anexado a documentação pelo site ou aplicativo Meu INSS.

O atendimento nas agências do INSS está sendo feito de forma reduzida e voltando gradativamente. Em algumas regiões do país, o atendimento presencial ainda não está sendo realizado. A medida é para evitar a aglomeração de pessoas.

O importante que você precisa saber é que os laudos médicos podem ser enviados pelo portal do Instituto.

Documentação que deve ser enviada

Para você enviar o laudo ou atestado médico anexado ao requerimento será necessário cumprir as seguintes situações:

  • Conter a assinatura do profissional que emitiu e carimbo de identificação, com registro do Conselho de Classe;
  • Apresentar as informações sobre a doença ou CID;
  • Conter o prazo estimado de repouso necessário; e
  • Estar legível e sem rasuras.
  • A pessoa também deve anexar ao pedido uma declaração de responsabilidade pelo laudo apresentado.

Como pedir o auxílio-doença pelo Meu INSS?

Você poderá pedir a antecipação do auxílio-doença, basta acessar o portal Meu INSS, depois clicar na opção “Agendar Perícia”. Se não tiver cadastro no site é necessário se inscrever e também criar senha para fazer o login.

Depois que o login for feito, você deverá seguir o passo a passo:

Selecionar “Agendar Perícia”;
em seguida clicar na opção “Perícia Inicial” e depois em “Selecionar”;
Na pergunta “Você possui atestado médico”, selecione “SIM” e clique em continuar;
Preencha as informações pedidas e clique em “Avançar”;
Em “Anexos”, clique no sinal + para inserir o documento e clique em “Anexar”;
Selecione o documento (atestado médico) que deseja anexar, clicar em “Abrir” e, em seguida, em “Enviar”
Siga os passos seguintes e clique em “Gerar Comprovante”, informação importante, não esqueça de salvar o comprovante em seu computador ou celular.

Edição por Jorge Roberto Wrigt Cunha – jornalista do Jornal Contábil