INSS: Sua aposentadoria pode estar em perigo e você não sabe

0

Os aposentados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) precisam tomar muito cuidado com os descontos indevidos no seu benefício. É extremamente comum a concessão através de instituições financeiras de empréstimos consignados que são descontados diretamente na folha de pagamentos do benefício, com taxas de juros bastante atraentes.

A concessão do crédito consignado ocorre por diversas vezes através de solicitação em situações de necessidade financeira da família, e que, após a concessão, é descontado mensalmente um valor, referente a parcela do empréstimo.

fonte: google
fonte: google

Descontos indevidos

Mesmo dando uma rápida explicação sobre o empréstimo consignado, tem se tornado cada vez maior, a prática da concessão indevida do crédito consignado, onde os aposentados e pensionistas acabam se deparando com descontos que ocorrem mensalmente, sem nem mesmo saber o porquê.

Principalmente durante o período de pandemia, de março do ano passado para cá, o número de fraudes na aposentadoria mais que dobrou, e essa informação pode ser extraída de uma pesquisa realizada pelo site consumidor.org.

Logo, é extremamente necessário que constantemente você verifique o extrato da sua aposentadoria ou ainda da sua pensão, pois você pode acabar se tornando a próxima vítima desse tipo de golpe.

Como descobrir descontos indevidos

Antes de explicarmos como descobrir se existem descontos indevidos no seu benefício é necessário a compressão de que, para a concessão do crédito consignado, é necessário que o segurado apresente seus documentos pessoais, de modo a autorizar o crédito, bem como também é necessário a assinatura do contrato com a instituição financeira.

Sendo assim, se o aposentado está sofrendo com descontos e não realizou nenhuma das etapas anteriores, a concessão do crédito foi feita de maneira inapropriada. Essa prática que é abusiva, pode ocorrer por diversos motivos, tendo em vista que o segurado não solicitou o crédito, se quer recebeu os valores e ainda pode sofrer com descontos de uma dívida que ele mesmo não fez.

A fraude dos documentos pessoais é uma das causas mais comuns, onde o golpista se passa pelo segurado aposentado ou pensionista, a fim de realizar o empréstimo consignado, ficando ainda para si o valor do dinheiro recebido pelo empréstimo e deixando o segurado apenas com os débitos a serem pagos à instituição financeira.

Então a recomendação principal é que você verifique constantemente seu extrato previdenciário, para verificar se você está tendo algum desconto indevido, de modo a correr atrás dos seus direitos e de não ser penalizado pelo golpe sofrido.

O que fazer se fui vitima?

Caso você tenha verificado seu extrato previdenciário e encontrado um desconto indevido, o primeiro passo a realizar é entrar em contato com a instituição financeira que liberou o empréstimo, solicitando o cancelamento bem como a devolução dos valores que foram descontados indevidamente, tendo em vista que o crédito liberado foi realizado através de fraude.

Se ainda sim, você não conseguir resolver o problema, será necessário realizar uma reclamação diretamente na Ouvidoria da Previdência Social, bem como nos sites que protegem o consumidor, como é o caso do consumidor.gov.br.

Em demais casos, o recomendado é que o aposentado ou pensionista busque por um advogado para que o mesmo possa ajudar você a ter o empréstimo fraudulento cancelamento, além de pedir uma eventual indenização pelos transtornados sofridos.