INSS: Veja quais são os tipos de segurados que existem

0

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), é responsável por pagamentos de aposentadorias e outros tipos de benefícios, todos os cidadão brasileiros que contribuem para o INSS e preenche seus requisitos, garantem uma aposentadoria quando encerram suas atividades laborais. 

No conteúdo de hoje vamos explicar um pouco mais sobre este assunto. 

Contribuição para o INSS

Como já adiantamos acima, todos os brasileiros que contribuem para o INSS, fazem jus a benefícios previdenciários, podendo requerer benefícios que vão amparar em momentos inesperados, como doenças, acidentes, entre outros. 

É primordial que o segurado mantenha suas contribuições em dia, pois, para requerer qualquer benefício do INSS é necessário cumprir todos os requisitos. 

Existem dois tipos de segurados: 

  • Segurado Obrigatório;
  • Segurado Facultativo. 

Segurado Obrigatório 

O próprio nome já diz, “Obrigatório”  este tipo de segurado é a pessoa que trabalha com o regime da CLT, logo é descontado do salário uma porcentagem. 

Esses segurados são divididos em 5 categorias: 

Designed by LightField Studios / shutterstock
Designed by LightField Studios / shutterstock
  • Empregado : Pessoas que exercem suas atividades laborais urbano ou rural de forma pessoal, intransferível; 
  • Empregado Doméstico : Esta categoria presta serviço de natureza contínua, na residência de outra pessoa, com atividades sem fins lucrativos; 
  • Trabalhadores Avulso : Este tipo de trabalhador, presta serviço de natureza urbana ou rural, o mesmo não tem vínculos empregatícios;
  • Segurado especial : Este grupo de segurados são pessoas que exercem atividades de produtor agrícola ou pescador artesanal;
  • Contribuinte individual :  Vamos dar alguns exemplos para você entender melhor,  Pintor; Psicólogo; Advogado; Empresário; Médico-residente; Caminhoneiro; Pastor de igreja, entre outros. 

Segurado Facultativo 

Nesta categoria o segurado faz suas contribuições de forma voluntária, logo qualquer cidadão que  não exerça uma atividade remunerada pode ser segurado facultativo

Dica Extra do Jornal Contábil: Compreenda e realize os procedimentos do INSS para usufruir dos benefícios da previdência social. 

Já pensou você saber tudo sobre o INSS desde os afastamentos até a solicitação da aposentadoria, e o melhor, tudo isso em apenas um final de semana? Uma alternativa rápida e eficaz é o curso INSS na prática

Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que você precisa saber para dominar as regras do INSS, procedimentos e normas de como levantar informações e solicitar benefícios para você ou qualquer pessoa que precise. 

Não perca tempo, clique aqui e domine tudo sobre o INSS.

Por Laís Oliveira