Internacional: Acúmulo das restituições do IR cresce e atrasa o pagamento para milhões

0

O Serviço de Receita Interna dos Estados Unidos (IRS) está ficando para trás no processamento de milhões de declarações de Imposto de Renda, potencialmente atrasando o reembolso para muitos americanos.

De acordo com o Taxpayer Advocate Service (Serviço de Advogado do Contribuinte), um braço independente do IRS focado nos direitos dos contribuintes, a agência está mantendo quase 31 milhões de declarações para processamento manual um pouco antes do prazo final de declaração de 17 de maio.

Esse acúmulo cresceu 2 milhões de devoluções desde meados de abril, disse a advogada nacional do contribuinte, Erin M. Collins, à CBS MoneyWatch.

“Eu esperava que caísse, mas não estou tão otimista”, disse ela sobre o impasse. “Os contribuintes continuarão enfrentando atrasos incomumente longos. Não acho que alguém queira ouvir isso, mas é o caso.”

Collins sinalizou o problema em uma postagem no blog de 22 de abril, quando o número de declarações de impostos retidas para processamento manual havia atingido cerca de 29 milhões.

Algumas delas são declarações fiscais em papel de 2019, que o IRS atrasou no processamento devido à pandemia de Covid-19 no ano passado.

Mas grande parte do acúmulo também consiste em declarações de impostos de 2020, que ainda estão fluindo para o IRS.

Algumas dessas declarações de impostos recém-preenchidas estão sendo sinalizadas pelo IRS por causa de questões relacionadas às recentes mudanças fiscais e verificações de estímulo federal, disse Collins.

Um deles está relacionado ao “Crédito de Desconto de Recuperação”, a linha no Formulário 1040 que permite que as pessoas ajustem seus pagamentos de estímulo se não receberem todos os fundos a que têm direito.

Algumas pessoas estão preenchendo essa linha incorretamente, normalmente reivindicando o valor incorreto no formulário.

Nesses casos, o IRS sinaliza o retorno para revisão, o que exige que um funcionário compare o retorno com o registro da agência de pagamentos de estímulo.

Tudo isso pode aumentar o tempo de processamento de uma declaração de Imposto de Renda, o que, por sua vez, significa atrasos para os contribuintes obterem seus reembolsos.

Collins expressou preocupação de que o acúmulo de processamento de restituições continuará a crescer antes do prazo final de arquivamento de 17 de maio.

Até agora, cerca de 121 milhões de declarações de impostos foram preenchidas das mais de 160 milhões que são esperadas.

Com mais de 40 milhões de contribuintes ainda não registrados, é provável que uma parte dessas declarações acabe sendo marcada para revisão, deixando esses contribuintes com uma espera sem data por suas restituições, em vez do retorno usual de três semanas.

imposto de renda

Quer evitar a revisão manual?

Os contribuintes que ainda não deram entrada no processo devem prestar atenção aos problemas que milhões enfrentam atualmente, dizem os especialistas em impostos.

Por um lado, arquive eletronicamente, se possível, algo que o IRS também está incentivando os contribuintes a fazerem devido ao acúmulo de declarações fiscais em papel.

Se você tiver que fazer o arquivo em papel, um requisito para pessoas que moram fora dos Estados Unidos, bem como em alguns outros casos, certifique-se de enviá-lo por correio certificado com a assinatura necessária, disse Lisa Greene-Lewis, contadora pública credenciada e Especialista em impostos TurboTax.

Sem isso, você pode não saber se o IRS recebeu seu retorno, acrescentou ela.

As pessoas que estão solicitando o Crédito de Desconto de Recuperação também devem verificar seus registros para ter certeza de que estão anotando com precisão o valor que receberam, disse Greene-Lewis.

Se você não conseguir encontrar as cartas que o IRS enviou para confirmar o pagamento (formulários 1444 e 1444-b), verifique seus registros bancários e de depósito, ela recomendou.

“Uma coisa que eu diria às pessoas é que, se ainda não entraram com o processo, é preciso ter certeza de:

  • Arquivar eletronicamente;
  • Revisar os erros;
  • E se você estiver solicitando o crédito de recuperação de desconto, volte e analise os depósitos bancários para se certificar de que a Linha 30 é consistente com os registros do IRS.’

“Estamos vendo pessoas colocando a quantia errada”, e isso fará com que a declaração de imposto seja marcada para revisão.

Mas algumas questões podem ser mais difíceis de controlar pelos contribuintes.

As devoluções estão sendo sinalizadas devido ao Crédito de Imposto de Renda Ganhado e ao Crédito de Imposto para Crianças, em parte porque o pacote de estímulo do governo sancionado em dezembro veio tarde demais para o IRS ajustar seus formulários e sistemas de computador.

As disposições do pacote de estímulo permitem que os contribuintes reivindiquem os créditos com base em sua renda de 2018 em vez de sua renda de 2019 se for mais favorável a eles, mas tais “retrospectivas” exigem que os funcionários do IRS verifiquem as rendas de 2018.

“Um humano tem que voltar, puxar as informações e verificá-las”, observou Collins.

O IRS disse que o acúmulo provavelmente vai melhorar no final de agosto, ela acrescentou, mas até lá os contribuintes podem precisar se preparar para esperas mais longas.

“Não há garantia de que o dinheiro chegará amanhã”, disse Collins. “Eles devem planejar de acordo com os atrasos contínuos.”

Conteúdo traduzido da fonte CBS News por Wesley Carrijo para o Jornal Contábil