Investimento em tecnologia: Confira a importância da terceirização da infraestrutura de TI

0

Em tempos de recuperação econômica e retomada das atividades empresariais, é natural se deparar com uma certa cautela para realizar determinadas mudanças ou modificar a perspectiva operacional da empresa.

No entanto, o que está fora de discussão é a importância da tecnologia para a estruturação de um ambiente organizacional otimizado, com os artifícios ideais para fomentar uma cultura de redução de custos.

Indo além do papel de contenção e adaptabilidade imediata, o uso de ferramentas digitais, se conduzido sob uma abordagem estratégica, provoca efeitos positivos para a empresa como um todo, inclusive no que diz respeito à saúde financeira do negócio.

Sempre existirão demandas externas que fogem do controle das companhias. O segredo está no modo como os líderes optam por enfrentar a adversidade, fato que exerce grande influência sobre os gastos e os problemas evidenciados durante esse período.

Após realizar esse processo de avaliação sobre lacunas e fragilidades no ambiente interno, fica muito mais fácil de se diagnosticar métodos para se preservar a integridade da organização; a tecnologia é um exemplo direto desta mentalidade.

A digitalização em prol da redução de custos

Se o sentimento predominante ainda é de incerteza, o respaldo tecnológico surge para oferecer garantias operacionais que concedem mais segurança para a governança e o próprio comportamento dos profissionais no dia a dia de trabalho.

A margem para falhas críticas é cada vez menor e, com sistemas automatizados, esse senso de urgência é refletido em melhores decisões por parte dos profissionais.

Geralmente, o desafio maior está no equilíbrio entre reduzir os gastos sem prejudicar a qualidade dos serviços, outro questionamento que vai de encontro à presença da tecnologia, principalmente por meio do outsourcing.

Com soluções inteligentes agilizando procedimentos e potencializando a eficiência dos departamentos, o gestor terá a maturidade necessária para racionalizar o uso dos recursos disponíveis, fomentando um desenvolvimento sustentável de seu ecossistema organizacional.  Dessa forma, a diminuição de custos ocorre de modo direto e indireto, em frentes variadas.

Terceirização simboliza mudança estrutural

Durante a concepção de um planejamento financeiro, alguns tópicos servem de parâmetro para que o gestor chegue em um denominador comum sobre a situação de sua empresa.

Reduzir os custos é um objetivo único, mas deve ser atingido com diversos hábitos e práticas capazes de inserir a transformação digital na rotina operacional das equipes.

Serviços prestados por meio do outsourcing que visam a consolidação da área de TI e proporcionam projetos amplos de digitalização mudam o patamar de empresas imaturas em termos de inovação.

Ao delegar etapas de controle e gerenciamento de documentações, o contratante deixa claro que está alinhado com o que se espera de organizações inseridas no contexto de recuperação empresarial.

Com um acompanhamento atualizado do avanço tecnológico e seus efeitos sobre o segmento que se busca atingir, os líderes poderão centralizar os esforços de suas equipes no que realmente importa.

Foco total no core business

Em situações de crise e instabilidade generalizada, não é preferível ter a tranquilidade para se dedicar única e exclusivamente ao core business da empresa?

Com todos trabalhando sob a mesma premissa de inteligência de dados e automatização de procedimentos padronizados, funções mais subjetivas e estratégicas, que exigem uma participação incisiva por parte dos profissionais, servirão como porta de entrada para uma gestão que valorize o componente humano.

Encerro o artigo destacando o aspecto volúvel da tecnologia diante o quadro econômico instável e sua aplicabilidade para as empresas nacionais.

No intuito de identificar novas fontes de receita, pontos passíveis de diminuição de gastos e o redirecionamento dos colaboradores, trata-se de uma alternativa bem-vinda para os que buscam superar as dificuldades e retornar à estabilidade financeira.

Por Andrea Rivetti é CEO da Arklok.