Para que uma empresa se mantenha ativa no mercado e não sofra com prejuízos que impactam na sua credibilidade e resultado, é fundamental proteger o nome, a marca do estabelecimento. Isso só é possível através do registro da marca no INPI (Instituto Nacional de Propriedade Industrial). Apenas quem detém uma marca registrada está protegido legalmente de cópias e tem o direito de utilizá-la com exclusividade no seu segmento, em todo o país.

Por ser muito importante e um processo complexo, muitos empreendedores buscam informações na internet e se deparam com a possibilidade de contratar uma empresa especializada no Registro de Marca de forma totalmente online. A verdade é que o serviço de registro de marca online oferece grandes vantagens como a agilidade, segurança e valores acessíveis, o que torna esta uma excelente opção.

Atualmente existem excelentes empresas que prestam o serviço de registro de marca online, porém, para evitar cair em armadilhas ou contratar maus prestadores deste serviço é importante estar atento. Para ajudar você a fazer a escolha certa, a startup Consolide, especializada em ajudar pequenas e microempresas a conquistar o registro da marca, listou oito dicas para você não cair em roubada no momento de proteger a marca da sua empresa. Por isso, antes de contratar uma empresa especializada em registro de marca, verifique se ela tem:

• Contrato Digital: ter um contrato digital é um grande diferencial. Ele protege o cliente, especificando o escopo do trabalho; além de ser um processo do qual somente empresas que prezam pelo cliente apostarão. Como é uma ferramenta que necessita de alto investimento, poucas empresas disponibilizam esta possibilidade aos clientes. Empresas pouco sérias dificilmente colocarão à disposição do cliente esta opção. Portanto, verifique se a empresa que você pensa em contratar oferece a assinatura de contrato digital e proteja o seu investimento;

• Transparência e acompanhamento do início ao fim do processo: empreendedores precisam contar com parceiros que expliquem com transparência e propriedade todo o processo do registro de marca, bem como ofereça um serviço completo, que vá desde a pesquisa de viabilidade do pedido (identificação se já não existe uma marca igual ou semelhante com registro), passando pela abertura e acompanhamento do processo, culminando no parecer técnico e entrega do certificado de registro de marca. Tudo isso dentro de um mesmo investimento. Isso deixa o empresário seguro do que está contratando, bem como evita cair em armadilhas que, no início, parecem ter custo menor, mas ao fim de todo o processo, pode levar a um gasto de 5 vezes ou mais do valor investido inicialmente. Atenção: ligue o sinal de alerta se a consultoria não tirou todas as suas dúvidas. E sempre questione o valor total do registro.

• Atendimento personalizado e pagamento depois do serviço iniciado: um bom parceiro vai dar o primeiro passo antes de você. Aposte em empresas que enviam o protocolo do pedido de registro de marca emitido pelo INPI antes do seu pagamento, afinal, só um parceiro sério consegue dar esta segurança para o empreendedor. Além disso, conte com uma consultoria que entende você, que se preocupa com a sua marca, seja ágil e flexível, ajudando-o a chegar na melhor negociação. “Na Consolide, nossa missão é ajudar o empreendedor a proteger o próprio negócio. Para tanto, investimos em um atendimento humanizado, mesmo que online, e com flexibilização no pagamento do serviço. Ainda protocolamos o pedido do registro da marca em até 24h e o pagamento pelo cliente é feito só depois do serviço iniciado”, afirma Alan Marcos, CEO da Consolide.

investimento

• Verifique as avaliações no Reclame Aqui, no Google e nas Redes Sociais: investigue o website da empresa e suas redes sociais, os comentários no Google e no Reclame aqui. Assim você terá bons indícios sobre a qualidade do atendimento da empresa e, inclusive, foge de pegadinhas. Avaliações positivas e recentes demonstram que a empresa é ativa, e que os clientes ficam satisfeitos com o serviço. Ainda acompanhe a frequência de posts nas redes sociais das empresas. Estes pontos dão indícios de que a empresa está ativa e poderá ser uma excelente parceira.

• Tecnologia à favor do cliente: a transparência tem que estar presente em todo o processo – da contratação até o recebimento do certificado. Hoje existem empresas que possibilitam isso aos clientes por meio de um dashboard ou área do cliente, que seja alimentado em tempo real com os dados do Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI). Assim, você acompanha todo o processo de onde estiver, pelo celular ou computador, e sabe exatamente o status do seu pedido de registro. “Nós investimos na transparência com nossos clientes, por isso, desenvolvemos um sistema totalmente online que permite o acompanhamento do processo atualizado em tempo real”, afirma Alan.

• Garantia de um novo registro: ao fim do processo, existe a possibilidade do pedido de registro de marca não ser aprovado. Isso porque o INPI leva em consideração fatores subjetivos no momento da análise dos processos e não tem como prever que será concedido o registro. Por isso, fuja de empresas que dão certeza do registro da marca. Então, se tiver o pedido negado, o empresário pode ter que dar entrada a um novo processo. Hoje poucas empresas de registro de marcas oferecem a garantia da abertura de um novo processo de pedido de registro, sem custo ao cliente, caso o pedido seja indeferido, reduzindo o investimento feito.

• Busque empresas que possuam advogados especialistas em registro de marca: conte com um parceiro que tenha um corpo de advogados que possam te oferecer o melhor serviço e a segurança de ser atendido por profissionais altamente qualificados para analisar o seu processo e orientar você com propriedade em todas as etapas. Isso pode fazer toda a diferença.

• Ações que aumentam a confiança e segurança no serviço: contratar um serviço pelo telefone ou pela internet sempre gera aquela dúvida, certo? Para maior segurança, peça para conhecer a estrutura da empresa e não aceite vídeos gravados – vídeos ao vivo do ambiente da empresa são a melhor opção. Se o vendedor for resistente, este é um grande ponto de atenção! Uma empresa idônea, correta e honesta não tem problema nenhum em mostrar o ambiente de trabalho para você.

Essas foram apenas algumas das dicas que podem ajudar o empreendedor a fugir de ciladas na hora de contratar uma empresa online para fazer o registro de marca. Fique atento 😉

DICA EXTRA  DO JORNAL CONTÁBIL : MEI saiba tudo o que é preciso para gerenciar seu próprio negócio.  Se você buscar iniciar como MEI de maneira correta, estar legalizado e em dia com o governo, além de fazer tudo o que é necessário para o desenvolvimento da sua empresa, nós podemos ajudar. Já imaginou economizar de R$ 50 a R$ 300 todos os meses com contador e ainda ter a certeza que está fazendo suas declarações e obrigações de forma correta. E o melhor é que você pode aprender tudo isso em apenas um final de semana. Uma alternativa rápida e eficaz é o curso MEI na prática. Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que um MEI precisa saber para ser autônomo e nunca mais passar por dificuldades ao gerir o seu negócio. Quer saber mais? Clique aqui e mantenha sua empresa MEI em dia!