iPhone 2020 terá novidades, conheça!

iphone 2020

O iPhone de 2020 poderá contar com leitor de impressões digitais que desbloqueia o celular com um toque na tela. Segundo a Bloomberg, caso os testes sejam bem sucedidos, a novidade aproximará o smartphone da Apple de concorrentes como o Galaxy S10, Huawei P30 Pro e Xiaomi Mi 9, mas sem abrir mão do sistema de reconhecimento facial presente nos telefones da marca desde o iPhone X, o Face ID. A expectativa é de que ambas as tecnologias coexistam no suposto sucessor do iPhone 11.

A informação adianta em um ano a expectativa do analista de mercado Ming-Chi Kuo, que havia previsto, em agosto, que o leitor sob a tela chegaria ao iPhone apenas em 2021. Essa data, porém, não está descartada: segundo a Bloomberg, os fornecedores da Apple já têm a tecnologia pronta, mas a implementação já no ano que vem ainda depende de uma bateria de testes.

O sensor de digitais sob a tela se popularizou entre smartphones Android nos últimos dois anos. Atualmente, está presente em modelos premium, como Galaxy Note 10 Plus, da Samsung. O recurso também aparece em alguns celulares intermediários, como o Galaxy A50 e o Mi 9T, da Xiaomi.

O iPhone ofereceu leitor de impressões digitais no botão Home até o iPhone 8 e o iPhone 8 Plus, lançados em 2017. Desde 2018, todos os modelos de iPhone contam apenas com desbloqueio facial. De acordo com as fontes da publicação, o Touch ID clássico poderá voltar em um provável substituto do iPhone SE, celular que voltou a ser alvo de rumores na última quarta-feira (4).

Via BloombergThe Verge e 9to5Mac e Techtudo