IPVA vai ficar mais caro para os motoristas a partir de 2022

A alta nos preços dos veículos novos e seminovos fará com que o IPVA fique mais caro para os motoristas no ano que vem

Diante do aumento nos preços dos carros novos e seminovos, os motoristas terão que se preparar para pagar o Imposto Sobre Propriedade de Veículo (IPVA) no ano que vem. Isso porque, o imposto é calculado com base na tabela FIPE, assim, quem acha que está “ganhando” por ter seu carro valorizado, além de estar completamente fora da realidade do cenário econômico do país, ainda terá que gastar mais para conseguir pagar o IPVA no em 2022.

Aumento no preço dos automóveis

O aumento no preço dos automóveis ocorre devido a uma série de fatores, como a desvalorização do real que acabada tornando os componentes importados mais caros de se comprar, além disso, o preço por si só de matéria-prima também foi reajustado, sem contar o impacto do imposto em alguns estados, como no caso de São Paulo, devido ao aumento do ICMS.

Além disso, é necessário citar o período de isolamento em decorrência da pandemia, o que causou como resultado, a paralisação da fabricação de carros bem como de componentes para sua fabricação, o que com a reabertura do mercado, trouxe uma demanda retraída, onde temos muita procura para pouca oferta, o que faz com que o preço dos veículos aumente.

E como consequência, essa demanda maior do que os produtos disponíveis inflamaram o mercado de veículos usados e seminovos, pois, quem não consegue comprar um carro zero tem optado por veículos seminovos, o que consequência acaba elevando o preço dos mesmos.

Assim, encontramos um cenário de veículos com preços exorbitantes tanto para carros novos e seminovos, e como reflexo, além da desvalorização do real, teremos impostos mais caros para pagar no ano que vem.

IPVA será mais caro no ano que vem

Dados da FIPE (Fundação Instituto de Pesquisas econômicas), entre os meses de fevereiro de 2020 e julho de 2021, tivemos as seguintes altas:

  • Veículos novos — Alta de 19,9% em 17 meses;
  • Seminovos — Alta de 24,4% em 17 meses (independente do ano ou modelo).

Como consequência, como ocorre a alta nos preços dos veículos na FIPE, ocorre a alta no pagamento do IPVA, tendo em vista que a FIPE é utilizada como base para cálculo do imposto.

Em regra geral o imposto é cobrado com base em 4% do valor venal da FIPE, contudo, existem estados que cobram valores médios entre R$ 2% e 3,75% da mesma.

Valor do IPVA

Para calcular o valor a ser pago de IPVA, o motorista deve ter em mãos o modelo do veículo e o ano de fabricação bem como a alíquota do imposto no estado. Os motoristas podem acessar o site de consulta da tabela FIPE veiculos.fipe.org.br para verificar o valor do carro.

  1. Primeiro, acesse o site veiculos.fipe.org.br;
  2. No final da página clique em “CONSULTA DE CARROS E UTILITÁRIOS PEQUENOS”;
  3. Clique no campo “Digite ou selecione a marca do veículo”;
  4. Clique no campo “Digite ou selecione o modelo do veículo”;
  5. Clique no campo “”Digite ou selecione o ano modelo do veículo”;
  6. Clique me “Pesquisar” e pronto você verá o valor atual do seu veículo.

Vale lembrar que a tabela FIPE é corrigida mensalmente, então, é recomendado que você sempre verifique o valor com o passar do mês. Assim basta calcular o valor do seu carro vezes a alíquota do seu Estado para saber o valor que você deverá pagar de IPVA em 2022.

Comentários estão fechados.