Confira lista com documentos essenciais a serem enviados mensalmente para a Contabilidade

0

Manter a contabilidade em dia não é só uma questão de cumprimentos das obrigações legais, mas também é importante para que se faça um bom gerenciamento da sua empresa de saúde.

Para que o contador possa cumprir com as obrigações legais, além de manter sua clínica, consultório ou outra empresa organizada é fundamental que ele receba todas as documentações necessárias regularmente.

Mas quais documentos devo enviar mensalmente para a Contabilidade? Esta é uma dúvida de muitos médicos e dentistas e estamos aqui justamente para saná-la e deixá-lo mais tranquilo.

Então vem com a gente!

Abaixo fizemos uma lista dos documentos essenciais a serem enviados mensalmente para a contabilidade.

E dividimos em 3 grandes áreas, o Departamento Pessoal, o Fiscal e o Contábil.

Assim fica melhor para você entender a diferneça de cada um e como se organizar dentro deles.

Departamento Pessoal

Este departamento é o que requer mais documentos, justamente por tratar de todos os funcionários e sócios de uma empresa.

Todas as relações profissionais entre empregador e empregado devem ser documentadas e enviadas para a contabilidade para que ambos os lados fiquem resguardados caso qualquer adversidade venha a ocorrer no futuro.

Os documentos que listaremos a seguir são aqueles com relação trabalhista, ou seja, relativos aos serviços que seus colaboradores prestam na sua clínica ou consultório.

Ou, caso você seja funcionário de um hospital ou outro estabelecimento de saúde, serve para você saber quais documentos seus são importantes e que você deve guardar.

Recibos assinados:

  • Salários;
  • Pró-labore;
  • Férias;
  • Vale Transporte;
  • Vale Refeição;
  • Comprovantes dos recolhimentos de impostos tais como INSS, FGTS, IRRF.

É importante também lembrar dos documentos que descontarão ou acrescentarão algum valor na hora do pagamento dos funcionários.

Já que não queremos que nenhuma parte saia em desvantagem e que todos trabalhem o mais motivados possível.

E isso vale também para o Sócios.

Até porque quanto melhor os sócios se entenderem e tiverem acordos previamente assinados, mais fácil fica o caminho que a empresa segue.

Para a elaboração da folha de pagamento:

  • Atestados Médicos;
  • Dados para lançar na folha de pagamento;
  • Faltas;
  • Hora extras;
  • Caso tenha algum autônomo enviar os documentos.

Departamento Fiscal

Neste departamento já começamos a tratar mais da relação entre a empresa, seus clientes e seus fornecedores, além de impostos que recaem sobre essas transações.

Seja na venda ou compra, seja na prestação de serviços ou em transferência de produto, cada situação tem um documento específico e um imposto que é necessário calcular.

Os documentos principais, são:

  • Notas fiscais recebidas que não tenham sejam eletrônicas;
  • Conhecimento de transporte;
  • Comprovante de pagamento dos impostos ISS, PIS, COFINS, CSLL, IRPJ ou DAS.

Departamento Contábil

Por fim, neste departamento cabe todas as contas a pagar e a receber, Isto é, todo o fluxo de dinheiro que entra e sai das contas da empresa.

É aqui que fica o principal controle da empresa e onde podemos saber se há algo de errado, algo a ser melhorado ou se está tudo em ordem, portanto, fique bastante atento para não deixar nada de fora.

  • Recibo de pagamento de água, luz, aluguel, condomínio, IPTU, internet, telefone;
  • Extratos bancários;
  • Extrato de aplicação financeira;
  • Extrato de cartão de crédito;
  • Comprovantes de despesas diversas que não possuem notas fiscais de material de limpeza, combustível, transporte, recibo de estacionamento, despesas com correios entre outros;
  • Boletos diversos;
  • Contratos de serviços: seguros, financiamentos, leasing, locação;
  • Comprovante de aquisição de bens;
  • Demais comprovantes de pagamentos que não constam nos extratos bancários.

Esses documentos são imprescindíveis para o cumprimento das obrigações da empresa perante o Fisco.

Sendo que é por meio deles que o contador irá fazer um bom trabalho.

Ou seja, poderá elaborar a folha de pagamento, calcular os impostos a serem recolhidos, garantir a entrega das obrigações acessórias (DES, RAIS, DCTF, Sped Contábil, DMED, ECD, EFD, DEFIS) e elaborar os livros contábeis.

Além do mais é indispensável que você mantenha sempre atualizado os dados dos sócios e empregados da empresa!

É importante lembrar que esta lista não contempla todos os documentos, cada situação deverá ser verificada individualmente, mas não se preocupe, podemos te ajudar e tudo ficar bem organizado e mais fácil.

Se ainda está com dúvidas, entre em contato com a gente por e-mail, WhatsApp ou telefone.

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Fonte: ContaDr

html image example