Lucro x Faturamento: Entenda as diferenças

0

Suas vendas superaram as expectativas durante um período? Isso é uma excelente notícia, mas não quer dizer, necessariamente, que o negócio se tornou mais lucrativo. Isso acontece porque, quando o assunto é lucro X faturamento, existem algumas diferenças.

Para tocar um empreendimento com confiança, não é preciso ser expert em contabilidade. Ainda assim, ter conhecimentos básicos sobre o assunto é essencial para evitar tropeços e ter uma gestão tranquila.

Quer saber mais sobre o tema? Continue a leitura do post e entenda o que significam lucro e faturamento! Vamos lá?

O que é faturamento?

Faturamento é a quantidade de dinheiro que entrou no seu empreendimento em um período, a partir da venda de produtos ou serviços. Ou seja, é a receita bruta do negócio. É, portanto, um importante indicador de produtividade e crescimento.

Além disso, conhecer esse número é essencial, pois é com base nele que são calculados tributos como Programa de Integração Social (PIS), Imposto sobre operações relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços (ICMS) e outros.

O que é lucro?

Por outro lado, o lucro é tudo o que sobra do montante arrecadado pelas vendas depois de deduzidos os impostos, as despesas, as contas — isto é, todas as obrigações que um negócio precisa pagar (fornecedores, aluguel, luz, manutenção e assim por diante).

No entanto, não é só isso: para entender o conceito completamente, é preciso saber que há dois tipos, bruto ou líquido, bem como diferentes categorias de custos. Acompanhe a seguir!

Custos fixos

São despesas que, em geral, não variam de acordo com a produtividade do empreendimento. Um bom exemplo é o aluguel: quem vende roupas paga o mesmo pelo espaço se confeccionar 100 ou 300 peças. Por isso, ele é determinado como custo fixo. O mesmo pode acontecer com a conta de internet e o salário dos funcionários.

Custos variáveis

A partir do mesmo exemplo: se, neste mês, a produção de peças de roupa triplicar, haverá mais gastos com fornecedores de tecidos e aviamentos. Além disso, a conta de luz pode aumentar, pois as máquinas estarão em operação por mais tempo para costurar os artigos. Também serão necessárias mais embalagens.

Logo, esses itens representam os custos variáveis. Isso porque eles podem mudar conforme o ritmo e os níveis de produção do empreendimento.

Lucros bruto e líquido

O lucro bruto é o resultado da diferença entre o faturamento do período e os custos variáveis. Já o lucro líquido subtrai a soma de todas as despesas (fixas, variáveis, impostos e afins) do faturamento. Ou seja, é o valor que, de fato, sobra na conta do empreendimento e pode ser aplicado em investimentos e no desenvolvimento do negócio.

Como aumentar os lucros?

A relação lucro X faturamento deixa claro que um rendimento alto não é suficiente para ter lucro. Isso porque, para elevar as vendas, podem ser necessários gastos altos, o que atinge diretamente o lucro líquido.

É fundamental observar essas métricas de perto para tomar decisões que favoreçam o lucro. Quem tem dúvidas sobre esse passo, pode apostar em um serviço de gestão compartilhada, que tem líderes e gestores com amplo conhecimento sobre as etapas do empreendedorismo.

Eles podem oferecer o suporte necessário para ajudar na busca por soluções que tornem o negócio mais lucrativo. Entender a correlação lucro X faturamento é crucial para quem busca tomar as rédeas do fluxo financeiro do empreendimento para vê-lo prosperar.

Via Feminaria

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.