MEI: Saiba como conseguir crédito para sua empresa

0

Os brasileiros estão cada vez mais propícios a abrirem seus próprio negócio, principalmente em um momento de pandemia como o que estamos onde muitos brasileiros acabaram perdendo seus empregos, empreender pode acabar se tornando uma excelente opção.

Contudo, muitos brasileiros acabam pensando na dificuldade em como começar um negócio ou ainda, como conseguir investir na sua própria empresa. Bom, se você quer saber como conseguir crédito para conseguir investir no seu negócio como Microempreendedor Individual, continue acompanhando!

MEI tem acesso a crédito?

É muito comum que o MEI ou ainda quem deseja se formalizar como MEI se questione sobre como conseguir que sua empresa se torne rentável. Para isso muitas das vezes é necessário apelar para as linhas de crédito. E sim, o MEI possui diversas linhas de crédito destinadas aos pequenos empresários brasileiros.

Existem algumas ótimos opções tanto de bancos públicos como bancos privados, alguns programas de crédito inclusive tem parceria com o Governo Federal, que acaba oferecendo taxas de juros mais baixas como incentivo ao microempreendedores, como por exemplo o CREDMEI e o Cartão BNDES MEI.

CREDMEI

O Programa de Simplificação do Acesso a Produtos e Serviços Financeiros para os Pequenos Negócios (CREDMEI – CREDMPE) é um serviço que tem o objetivo de facilitar o acesso do Microempreendedor Individual e da Micro e Pequena Empresa a diversas soluções financeiras que ajudam sua empresa a crescer. Algumas das soluções disponíveis são:

  • Antecipar à vista o que tem para receber dos pagamentos feitos com cartão de crédito;
  • Crédito para ampliar o negócio;
  • Crédito para comprar equipamentos, máquinas, mercadorias e matérias-primas;
  • Criar conta corrente empresarial;
  • Solicitar cartão de crédito ou débito empresarial;
  • Solicitar máquinas para passar cartão, facilitando o serviço;
  • Seguros destinados à empresa e/ou familiares.
  • Crédito para comprar veículo (carro, moto, etc)

Quero solicitar o CREDMEI, o que preciso fazer?

O microempreendedor interessado em aderir ao CREDMEI, assim como acessar diversos outros serviços no Portal do Empreendedor, é preciso que o MEI possua uma conta na plataforma Gov.br. Para criar a sua, basta acessar o portal Gov.br e se cadastrar.


Com sua conta Gov.br, você deverá acessar o Portal do Empreendedor. e seguir os passos:

  • Clique no banner “ Crédito para o meu negócio’’;
  • Escolha a opção “CREDMEI – Acesso para o Microempreendedor Individual     ”;
  • Confira as informações úteis que aparecerão na tela e clique no botão “Faça sua Solicitação”     ;
  • Acesse com seu login e senha cadastrados anteriormente no Gov.br e siga as orientações.

Durante o processo de solicitação do CREDMEI, você deverá apresentar os seguintes documentos:

  • Comprovante de residência;
  • Documento de identidade do representante da MEI;
  • Declaração Anual do Simples Nacional (DASN-SIMEI).
MEI

Cartão BNDES MEI

O Cartão BNDES MEI se trata de um produto oferecido pela referida instituição bancária no intuito de disponibilizar aos microempreendedores individuais, financiamentos para empresas de qualquer segmento com sede no Brasil, desde que respeitado o limite máximo de faturamento anual de cada categoria. 

Para se ter ideia da quantidade de coisas que podem ser adquiridas com o cartão do BNDES, aqui vão alguns exemplos:

  • Cursos para qualificação profissional, incluindo de idiomas;
  • Compra e produção de embalagens;
  • Equipamentos técnicos;
  • Materiais gráficos e para impressão;
  • Peças para todo tipo de veículo (de bicicletas até aeronaves);
  • Programas e softwares para uso interno como banco de dados, organização de estoque, encomendas, websites e lojas virtuais;
  • Serviços audiovisuais como criações e gravações (de voz/instrumental), pós-produção de áudio e vídeo, aplicação e criação de efeitos visuais e tratamento de imagem.

Para conferir a lista completa, acesse o site.

Quais bancos podem emitir o cartão BNDES?

Saiba quais bancos são credenciados a emitir o cartão BNDES para o MEI:

  • Banco do Brasil;
  • Banco do Nordeste;
  • Banestes; Banrisul;
  • Bradesco;
  • BRDE;
  • Caixa Econômica Federal;
  • Itaú;
  • Santander;
  • Sicoob.

Onde o cliente é quem escolhe em qual instituição financeira fazer o cartão BNDES. Vale lembrar que caso você tenha o pedido do cartão recusado em uma instituição é possível ainda solicitar em outro banco.

Limites

O limite de crédito para cada cliente pode chegar até R$ 2 milhões podendo ser parcelado em até 48 vezes com taxa de juros pré-fixada. Mas vale lembrar que como mencionado anteriormente, a liberação depende da movimentação anual.

Quero solicitar, como faço?

O primeiro passo para solicitar é estar com seu CNPJ ativo, além disso há ainda o cartão BNDES AGRO, que funciona sob as mesmas regras, mas é concedido à pessoa física do produtor rural que possua CNPJ.

Para o MEI solicitar seu cartão BNDES, é necessário estar formalizado (com CNPJ) e que sua atividade faça parte das Políticas Operacionais e de Crédito do BNDES. Além disso, as documentações solicitadas são:

  • Certidão Negativa de Débitos relativos a Créditos Tributários Federais e à Dívida Ativa da União – CND ou Certidão Positiva com Efeitos de Negativa de Débitos relativos a Créditos Tributários Federais e à Dívida Ativa da União – CPEND
  • Certificado de Regularidade do FGTS
  • Comprovação de Regularidade quanto à entrega da RAIS (no caso de MEI com funcionário)
  • Declaração de que está legalizado perante os órgãos públicos.

Atendendo aos requisitos e portando os documentos necessários, procure um dos bancos credenciados.

DICA EXTRA  DO JORNAL CONTÁBIL : MEI saiba tudo o que é preciso para gerenciar seu próprio negócio.  Se você buscar iniciar como MEI de maneira correta, estar legalizado e em dia com o governo, além de fazer tudo o que é necessário para o desenvolvimento da sua empresa, nós podemos ajudar. 

Já imaginou economizar de R$ 50 a R$ 300 todos os meses e ainda ter a certeza que está fazendo suas declarações e obrigações de forma correta.