Multas de trânsito: Saiba como transformar em advertência

É possível transformar multas em advertência e se livrar de uma pendência financeira, mas, existem algumas regras para que isso aconteça.

Em alguns momentos os motoristas acabam cometendo uma infração no trânsito e precisam arcar com essa irresponsabilidade. Isso vem em forma de uma infração, que gera pontos na carteira de habilitação e uma multa que devem ser paga. Mas o que muita gente desconhece é que é possível transformar multas em advertência.

Não é sempre que será possível recorrer a esse recurso, mas em alguns casos essa pode ser uma alternativa para não precisar desembolsar um dinheiro.

Foto: Ayrton Vignola/Estadão

Quando é possível transformar multas em advertência?

É possível transformar multas em advertência quando são cometidas infrações leves ou médias, que geram de 3 a 4 pontos, e desde que o condutor não tenha sido multado pelo mesmo motivo nos últimos 12 meses.

Ao fazer essa transformação, a pessoa não precisará pagar o valor da multa, apenas receberá uma punição educativa com uma advertência por escrito para que não volte a cometer a infração.

No caso de ser multado uma segunda vez posteriormente pelo mesmo motivo, ele poderá ter o valor acrescido por ser reincidente.

Como transformar multas em advertência

Para fazer essa mudança é preciso ir até o Detran regional e solicitar o formulário para que seja feita a conversão.

Existe um prazo para que ele seja preenchido, sendo o mesmo para a apresentação da defesa da autuação. Em algumas localidades é possível obter o formulário pela internet.

Depois de preencher todos os campos do formulário é preciso entregá-lo ao Detran junto com uma cópia de um documento de identificação pessoa, carteira de habilitação, notificação de autuação de infração de trânsito e certidão de pontos na CNH.

Esse tipo de serviço não é cobrado e a pessoa deve acompanhar o andamento da análise para saber se ela será aprovada. Normalmente, o acompanhamento pode ser realizado no site do Detran, desde que a pessoa se cadastre e tenha uma senha.

Se for aprovado transformar multas em advertência, a pessoa receberá no endereço cadastrado a advertência por correio. Por outro lado, existe a possibilidade de haver negativa, pois os critérios para a conversão podem não ser cumpridos ou não se tratar de uma exceção, cabe ao órgão responsável analisar cada caso.

Se o pedido for rejeitado, a multa será aplicada e a pessoa deverá pagar por ela. Se a conversão for feita para uma advertência, o motorista fica isento de pagar a multa, porém, a pontuação será somada a sua carteira de habilitação.

Evite multas

A melhor maneira é não precisar recorrer a todos esses procedimentos, pois não existe uma garantia de conversão. Veja alguns cuidados para evitar as multas:

  • Não use o celular ao volante;
  • Sempre use a seta;
  • Respeite os limites de velocidade;
  • Respeite a sinalização;
  • Use o cinto de segurança;
  • Não avance o sinal vermelho;
  • Não estacione em local proibido;
  • Ligue o farol nas rodovias.

Se mesmo tomando alguns cuidados acabou cometendo uma infração, pode tentar transformar multas em advertência, mas é preciso se atentar para que não seja novamente notificado.

Por Jeniffer Elaina, do site Seguro Auto

Fontes: https://www.seguroauto.org/converter-multa-em-advertencia/

https://probusjus.jusbrasil.com.br/artigos/348476625/como-converter-multa-de-transito-em-advertencia

http://www.detran.sp.gov.br/wps/portal/portaldetran/cidadao/infracoes/fichaservico/advertenciaPorEscrito