Múltiplos de empresa: o que são e como analisar?

0

Os múltiplos de empresa são fundamentos muito importantes na hora de realizar a análise de ações. 

Por isso, para investidores da renda variável, é fundamental conhecer os principais múltiplos de empresa e como eles podem ser utilizados em uma análise de ativos.

O que são múltiplos de empresa?

Os múltiplos de empresa do mercado são métricas utilizadas para medir algum aspecto relacionado às informações financeiras e de mercado de uma companhia.

Por isso, os múltiplos de mercado são informações indispensáveis no momento de analisar ações e fundos do mercado financeiro. 

Contudo, é fundamental ressaltar que a informação obtida através de um múltiplo, apesar de necessária, não é suficiente para a análise de ações ou mesmo bdrs. 

Afinal, cada múltiplo traduz uma informação, e para uma análise robusta e completa são demandadas várias informações complementares. 

Por isso, é interessante que o investidor, sobretudo da bolsa de valores, conheça todos os principais múltiplos de mercado, entendendo que informação eles apontam para o investidor e como utilizar essas informações de forma conjunta para realizar bons investimentos. 

Principais múltiplos de empresa

Assim, entre os principais múltiplos de empresa utilizados para análise de ações de no mercado, é possível listar:

  • P/L;
  • EV/EBTIDA;
  • ROE;
  • Dividend Yield;
  • P/VPA. 

P/L

O múltiplo P/L é obtido através da relação entre o preço de mercado por ação e o lucro por ação da companhia. 

Portanto, o indicador preço sobre lucro mostra, basicamente, o quanto os investidores do mercado estão dispostos a pagar por real do lucro da empresa. 

Normalmente, quanto maior o P/L da empresa, entendesse que há uma maior perspectiva de crescimento para a companhia. 

EV/EBTIDA 

O múltiplo EV/EBTIDA é extraído a partir da divisão do Enterprise Value (Valor de mercado mais valor da dívida menos o caixa) dividido pelo EBTIDA (Lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização). 

Designed by @pressfoto / freepik
Designed by @pressfoto / freepik
  • EV/EBTIDA = (Valor de mercado + Valor Dívida – Caixa e Equivalentes) / (EBTIDA) 

Basicamente, para empresas do mesmo setor, um EV/EBTIDA mais alto estão sendo mais bem precificadas pelo mercado, portanto estão mais caras. 

Esse múltiplo pode ser utilizado para comparar empresas com alavancagem diferente. 

ROE

ROE (Returno On Equity) é o retorno sobre o patrimônio líquido, um dos principais múltiplos utilizados no mercado. 

Esse indicador mensura a relação entre o patrimônio líquido da companhia e o lucro líquido da empresa. 

Portanto, através do ROE é possível entender se a geração de lucro a partir dos ativos da empresa é eficiente ou não. 

Dividend Yield 

O Dividend Yield informa sobre o nível de distribuição de rendimentos do ativo com os seus sócios em determinado período. 

Assim, o DY representa a divisão entre os dividendos distribuídos nos últimos 12 meses pelo preço da ação. 

Por exemplo, uma empresa que distribuiu R$1,00 por ação, e tem uma cotação de R$20,00, tem um múltiplo DY igual a 5%. 

É importante que o investidor não se deixe levar apenas por DY altos, afinal existem outros importantes indicadores a serem observados. 

P/VPA

P/VPA é indicador resultante da divisão do preço unitário da ação pelo valor patrimonial pela ação. 

Basicamente, representa quando os investidores estão dispostos a pagar no momento pelo patrimônio líquido da companhia.

Quando maior o valor do índice, pode-se concluir que mais “sobrevalorizada” a ação estar. 

No entanto, é fundamental analisar os demais múltiplos, para tirar conclusões mais precisas sobre a companhia. 

Artigo produzido pela Suno.