Natal: 86% dos consumidores brasileiros vão fazer compras online neste fim de ano

0

A mudança de comportamento do consumidor durante a pandemia do coronavírus gerou um boom de compras online, fazendo com que o e-commerce registrasse crescimento de 67,5%, comparado a 2019.

Segundo levantamento da ABComm, os números de transações online deste ano bateram R$105 bilhões.

Mas ainda é preciso cautela ao fazer compras pela internet, para não cair em golpes. Para ajudar os consumidores a realizar compras seguras e encontrar boas ofertas, Guilherme Vieira, fundador do Pelando, plataforma que reúne as melhores promoções e também disponibiliza cupons de desconto para compras online, preparou uma série de dicas para quem vai fazer as compras de Natal online. No último mês, o site cresceu 40%, com as compras da Black Friday. 

Pesquisa de preços

Para visualizar com mais clareza o que é necessário comprar e até mesmo o que não pode ser deixado de fora do carrinho virtual, o ideal é fazer uma lista de compras.

Além disso, o consumidor deve pesquisar e comparar os preços, com antecedência para evitar possíveis aumentos de valor nos dias próximos ao Natal.

Lojas confiáveis

Pesquisar a reputação das lojas é uma dica de ouro para não cair em ciladas. Isso pode ser feito no site do Procon, no ReclameAqui e no portal E-bit, que concede selos de qualidade. Também é importante consultar as avaliações de outros usuários no site do Pelando. Uma boa pesquisa pode evitar dor de cabeça ou surpresas desagradáveis depois da compra. 

Cupons de descontos, cashback e alerta de desejos

No final do ano, o investimento dos lojistas está focado em ações de marketing digital em sites de cupons e programas de cashback.

A tendência se deve ao crescimento dos consumidores brasileiros que são influenciados por estes dois modelos: o número representa 50%.

Com isso, é importante ficar de olho nos cupons de descontos e lojas que oferecem dinheiro de volta.

Outra dica é cadastrar os produtos que você quer comprar para receber notificações quando eles forem compartilhados, monitorar o histórico de preço e também conferir a avaliação atribuída à compra feita por outros consumidores.

Cuidado ao receber e-mails de lojas ou links compartilhados por aplicativos de mensagem e redes sociais.

Antes de clicar, verifique se é real, buscando pelo nome da loja no Google e vendo os links patrocinados. Os primeiros que aparecem na busca são pagos pela empresa e, geralmente, oficiais e confiáveis. 

Prazos e fretes

Desconfie das super promoções! Muitos consumidores esquecem de se atentar a detalhes importantes na hora da compra, como prazo de entrega e preço do frete.

Verifique se a entrega atende a sua necessidade e se o frete não está com valor abusivo. Não esqueça de manter o endereço atualizado, para que a encomenda não chegue ao endereço antigo. 

Conheça seus direitos!

As vezes deixado de lado, mas não menos importante, é fundamental saber quais são os seus direitos. O “arrependimento da compra” é o mais conhecido e garante a devolução do produto em até 7 dias corridos ou o direito de troca em 30 dias. Se atente aos prazos e sempre anote os protocolos. 

Por Pelando: Plataforma com mais de 6 milhões de visitantes ao mês, que reúne milhares de promoções e cupons de desconto para ajudar os consumidores a economizar em compras online de grandes e-commerces, como: Americanas, Submarino, Amazon, Magazine Luiza, entre outros.