Abrir o seu próprio negócio apresenta inúmeros benefícios, principalmente em relação ao aumento de autonomia de gestão, tomadas de decisão e mais flexibilidade de horários. Além disso, com a economia formal enfraquecida, muitos brasileiros têm buscado novas ideias para empreender e criar outra fonte de renda. Tanto é que foram criadas 2,5 milhões de novas empresas em 2018, de acordo com o Indicador Serasa Experian de Nascimento de Empresas. E, desse total, os microempreendedores individuais atingiram 81,4%.

Mas você sabe quais são as melhores ideias para empreender em 2020? Existem tendências em alta, que envolvem novos comportamentos na alimentação, na forma de morar, no lazer e na forma de se comprar serviços hoje. Se você está curioso, confira o artigo com algumas ideias promissoras de negócios e mãos à obra.

Quais as melhores ideias para empreender em 2020?

Ser dono do próprio negócio e conquistar autonomia financeira são os desejos de muitas pessoas para o próximo ano. No entanto, essa vontade de empreender nem sempre é acompanhada da certeza sobre qual negócio montar.

Para ajudar você a escolher o negócio ideal, selecionamos 7 ideias para empreender em 2020. São áreas que prometem crescer no próximo ano, exigem um baixo investimento e podem geram uma excelente lucratividade. Você também pode conferir nosso guia completo do microempreendedor com as principais informações para abrir o seu próprio negócio.

Alimentos naturais e orgânicos

Investir no ramo de alimentos naturais e orgânicos é uma das ideias para empreender mais lucrativas. Esse mercado está em pleno crescimento desde 2016 e é uma forte tendência para 2020. Afinal, cada vez mais pessoas estão preocupadas em consumir alimentos nutritivos no dia a dia. Isso aumenta a procura por refeições saudáveis no mercado.

Existem vários modelos de negócios nesse ramo para se inspirar. Eles vão desde abrir uma loja de produtos naturais até vender marmitas saudáveis. Para escolher a melhor opção, é importante avaliar suas habilidades e recursos financeiros para investir.

SAIBA+AZULIS: Conheça a empresária que largou a carreira corporativa para empreender com paixão: vender chocolates.

Produtos de beleza

Vender produtos de beleza não é uma ideia totalmente inovadora, mas, até hoje, é uma alternativa para quem quer ser dono do próprio negócio. Isso deve-se ao fato de que esse tipo de negócio exige um investimento baixo e alta lucratividade.

Muitas pessoas iniciam nesse negócio sem gastar um centavo. Para tanto, elas revendem os cosméticos de porta em porta ou por meio das redes sociais. Por serem de fácil aceitação no mercado, as chances de vender os produtos e ter uma renda extra são elevadas.

Pets

Com mais de 130 milhões de animais de estimação no Brasil, o mercado pet promete ser uma forte tendência em 2020. Segundo especialistas , os serviços e produtos pet movimentaram cerca de R$22 bilhões de reais no Brasil em 2018.

Existem várias ideias para empreender e ganhar dinheiro nesse segmento, tais como serviços de banho e tosa, clínica veterinária e pet shops. Outra vantagem desse segmento é que  você pode realizar alguns desses serviços na sua própria casa ou pela internet.

SAIBA+AZULIS: Confira a história do brasileiro que vende alimentos congelados para cães.

Nichos (mercados segmentados)

Quem tem conhecimento específico em uma área pode transformar esse talento em um negócio lucrativo. Os cursos online são um tipo de negócio em alta no momento. Com eles, você pode ensinar outras pessoas pela internet e ganhar um bom dinheiro com isso.

Outra ideia lucrativa é prestar assessoria em empresas ou iniciar um negócio como coaching. Nesses modelos, os serviços podem ser prestados na casa do cliente ou em espaços compartilhados.

Economia compartilhada

A economia compartilhada é uma tendência que está em alta. Esse modelo de negócio permite que outras pessoas tenham acesso ao mesmo padrão de vida sem gastar mais. Alguns exemplos de empresas que adotam esse estilo  são o Airbnb, Uber, Dog Hero e Blablacar.

Há várias ideias para empreender com economia compartilhada. Um bom exemplo é o negócio de dogwalker que consiste em passear com cachorros ou cuidar deles, enquanto os donos estão viajando.

Mercado mobile (e-commerce)

Montar uma loja virtual é uma alternativa prática e barata para empreender. Uma boa ideia para começar é apostar em plataformas prontas para e-commerce ou marketplaces, como Mercado Livre, Americanas e Magazine Luiza. Nelas, você pode vender seus produtos para um grande público sem precisar investir na criação de um e-commerce.

Outra maneira para empreender no e-commerce é o drop shipping. Esse modelo consiste na compra de produtos nos fornecedores apenas quando eles são encomendados pelos clientes. Isso elimina o investimento em estoque inicial e investimentos altos para começar o negócio.

Games

Os desenvolvedores e designers de games têm a oportunidade de empreender em 2020 criando seu próprio jogo. Essa é uma das ideias para empreender na área de tecnologia que tem crescido nos últimos anos.

Após criar o jogo, o profissional pode distribuí-lo em plataformas gamers famosas como a iOS Store, Google PlayStore e o Xbox Marketplace. Já quem sabe jogar muito bem, pode ganhar dinheiro criando um canal no Twitch. Com a popularidade do canal na plataforma, os gamers recebem pelo programa de afiliados, links patrocinados e muito mais.

SAIBA+AZULIS: Confira nesse vídeo mais 5 ideias para empreender em 2020

Você que tem ideias para empreender, o que esperar da economia em 2020?

Os empreendedores que desejam abrir um novo negócio em 2020 têm razões para ficar otimista. Além dos benefícios conhecidos, o Relatório da Inflação, publicado pelo Banco Central, prevê um crescimento de 1,8% do PIB no próximo ano. Contudo, essa projeção ainda está condicionada a aprovação das reformas governamentais e outros fatores da economia brasileira.

Segundo o Banco Central, a estimativa é que os setores da agropecuária, de serviços e da indústria cresçam cerca de 2,6%, 1,4% e 2,2%, respectivamente. Também espera-se o aumento da produção no petróleo e recuperação da extração de minério de ferro.

Ainda nesse cenário, espera-se o crescimento de 2,2% do consumo das famílias e 2,9% da Formação Bruta de Capital Fixo. Sem dúvida, 2020 promete ser um dos melhores anos para empreender.

Quais são as previsões para o empreendedorismo em 2020?

Segundo o Indicador de Nascimento de Empresas da Serasa Experian , empreender no Brasil está em alta. Isso se reflete na abertura de 1,8 milhão de novas empresas até julho de 2019. A expectativa é que esse número continue crescendo em 2020, com destaque para o mercado digital e e-commerce. 

Para se ter uma ideia, o comércio eletrônico no Brasil registrou um crescimento de 12% em 2018, sendo que foi registrando um incremento significativo de compras por meio dos smartphones. Ainda, o faturamento chegou a 53,2 bilhões em 2018, de acordo com o levantamento realizado pelo Ebit/Nielsen, referência em informações sobre o e-commerce brasileiro. A expectativa é que em 2019, haja um crescimento de 15% nas vendas online, com vendas totais de R$61,2 bilhões.

Então, uma tendência para se apostar é a venda de produtos em marketplaces como Magazine Luiza, Netshoes e Americanas. Essas empresas têm uma forte presença digital e no mercado mobile também.

Nesse cenário, também podemos incluir a venda de produtos ou serviços por meio das mídias sociais, como Facebook e Instagram. Esses ambientes digitais possuem uma grande visibilidade e alcance, sendo possível fechar negócios e manter relacionamentos com clientes, de maneira eficaz.

Além disso, o Governo Federal tem preparado medidas para estimular o empreendedorismo e duplicar a produtividade das pequenas empresas. Uma das medidas lançadas em junho de 2019, foi a criação da Iniciativa de Mercado de Capitais (IMK), um grupo de trabalho com o objetivo de desenvolver o mercado de capitais no Brasil para simplificar a concessão de crédito aos empreendedores.

Por isso, se você deseja abrir seu próprio negócio em 2020, confira aqui sete melhores cidades do Brasil para começar um negócio.

Você quer empreender?

Se você tem o próprio negócio ou pensa em empreender, a Azulis é o lugar certo. Na nossa plataforma, você encontra soluções gratuitas que ajudam a construir o sucesso da sua empresa, como o comparador de maquininhas e o lembrete do DAS MEI.

A Azulis também conta com o Vida de Dono, um portal de conteúdo onde você encontra dicas, conhece histórias inspiradoras e tira dúvidas sobre temas essenciais do mundo do empreendedor.

DICA EXTRA  DO JORNAL CONTÁBIL : MEI saiba tudo o que é preciso para gerenciar seu próprio negócio.  Se você buscar iniciar como MEI de maneira correta, estar legalizado e em dia com o governo, além de fazer tudo o que é necessário para o desenvolvimento da sua empresa, nós podemos ajudar. Já imaginou economizar de R$ 50 a R$ 300 todos os meses com contador e ainda ter a certeza que está fazendo suas declarações e obrigações de forma correta. E o melhor é que você pode aprender tudo isso em apenas um final de semana. Uma alternativa rápida e eficaz é o curso MEI na prática. Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que um MEI precisa saber para ser autônomo e nunca mais passar por dificuldades ao gerir o seu negócio. Quer saber mais? Clique aqui e mantenha sua empresa MEI em dia!

Fonte: Azulis