Negócios: Dicas e ações para sua empresa enfrentar o coronavírus

0

Devido ao cenário da pandemia do novo coronavírus, a rotina de muitas empresas e seus locais de trabalho têm mudado.

A adoção do home office, férias coletivas, suspensão de eventos, viagens canceladas e quarentena doméstica para casos suspeitos ou confirmados são algumas das medidas tomadas.

A doença foi classificada como pandemia no dia 11 de março de 2020 pela Organização Mundial da Saúde (OMS) devido ao rápido avanço da doença por todos os países. Por isso, a Covid-19 é motivo de alerta a todos os países e ações de prevenção devem ser tomadas.

Se você quer entender mais sobre o que é o novo coronavírus e pegar boas dicas para o RH da sua empresa, a fim de prevenir seus colaboradores e ainda assim estimular a produção, continue lendo esse texto e aproveite para baixar o E-book Pontotel gratuito: https://www.pontotel.com.br/ebook-xo-corona/

O que é o novo coronavírus

O novo coronavírus é o responsável por uma doença respiratória infecciosa que surgiu na cidade de Wuhan, na China, em 31 de dezembro de 2019. Após surgirem diversos casos de pneumonia,  e, devido a quantidade de doentes, os médicos precisaram descobrir qual era o causador da doença.

A primeira mutação do vírus apareceu em 2002 e causou cerca de 770 mortes na China. O surto que estamos vivendo no momento é causado por um novo agente dessa família, o 2019-nCov, e com ele somamos sete vírus da família Coronaviridae que podem infectar seres humanos. 

Como se transmite

O contágio do novo coronavírus pode acontecer através de gotículas de saliva, espirro, tosse ou catarro de uma pessoa infectada. Por isso, a recomendação da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) é manter distância de pelo menos 1 metro de uma pessoa com sintomas de gripe. 

A contaminação também pode ocorrer por meio de objetos e superfícies. Isso acontece da seguinte forma: uma pessoa que está infectada espirra em cima de um objeto, caso uma outra pessoa toque neste mesmo objeto e leve suas mãos à altura do rosto na boca, nariz ou olho a chance de contaminação é bem grande.

Como minha empresa pode se preparar

Agora vamos falar como preparar a empresa para enfrentar o coronavírus e como começar a se adaptar ao novo surto para que consigamos levar nosso dia a dia o mais normal possível. Algumas dicas e ações essenciais a seguir.

Orientar para prevenção

É importante que os empregadores estimulem esses hábitos de higienização com campanhas internas que garantam acesso aos produtos adequados para higienizar as mãos.

Cuidar da saúde do funcionário

Colaboradores que apresentarem os sintomas de COVID-19 e tiverem histórico de viagem ou contato com algum caso suspeito ou confirmado precisam ser orientados a procurar os serviços de saúde e devem ser enviados para casa imediatamente.

Reduzir os impactos

Sua empresa deve entender o que pode ser afetado em suas atividades pela epidemia e quais atitudes podem ser adotadas para mitigar os efeitos, sempre pensando nas pessoas e na manutenção da operação da empresa. Como exemplo, adotando a política de home office.

Deve remanejar eventos planejados e viagens de trabalho considerando as mudanças de cenário da doença no cenário local, nacional ou internacional.  

De modo geral,  sua empresa deve avaliar as políticas de gestão a distância e garantir a infraestrutura tecnológica para isso (como ferramentas de colaboração, equipamentos e sistemas de reuniões virtuais), avaliar criteriosamente a necessidade de viagens, os impactos que a crise causada pela doença pode impactar a empresa e respeitar as orientações da OMS.

Investir em gestão comportamental

Garantir a saúde mental dos colaboradores vem se tornando cada vez mais importante, uma vez que quando ela é prejudicada, tanto o próprio funcionário quanto toda a organização com certeza irão sofrer sérias consequências.

Na prática, existem diversos tipos de ações que podem ser tomadas para conquistar esse objetivo. 

Como exemplo, proporcionar horários flexíveis e fazer com que seus colaboradores tenham liberdade para tirar dúvidas ou pedir sugestões para seus superiores.

Além disso, sua empresa também pode adotar as chamadas práticas interativas, que segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), melhoram a concentração, produtividade, saúde, bem-estar, humor das pessoas e, consequentemente, o clima organizacional.

Para isso, a grande dica que te dou é: invista no departamento de recursos humanos da sua empresa, e principalmente no uso da tecnologia. Dessa forma, os profissionais responsáveis por essa área terão mais facilidade em organizar as melhores estratégias para garantir um bom funcionamento da equipe.

Assim, sua empresa continuará com suas atividades, estimulando sua produção e se prevenindo do novo coronavírus. Algo que garante pontos positivos à empresa e à saúde de todos.

DICA EXTRA  DO JORNAL CONTÁBIL : MEI saiba tudo o que é preciso para gerenciar seu próprio negócio.  Se você buscar iniciar como MEI de maneira correta, estar legalizado e em dia com o governo, além de fazer tudo o que é necessário para o desenvolvimento da sua empresa, nós podemos ajudar. Já imaginou economizar de R$ 50 a R$ 300 todos os meses com contador e ainda ter a certeza que está fazendo suas declarações e obrigações de forma correta. E o melhor é que você pode aprender tudo isso em apenas um final de semana. Uma alternativa rápida e eficaz é o curso MEI na prática. Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que um MEI precisa saber para ser autônomo e nunca mais passar por dificuldades ao gerir o seu negócio. Quer saber mais? Clique aqui e mantenha sua empresa MEI em dia!

PontoTel