Com o crescimento da tecnologia nos últimos tempos, a segurança não pode ficar trás neste processo, mas e aí, o antivírus realmente pode te ajudar?

É bem comum receber notícias referente a problemas com crimes cibernéticos, aqueles que são feitos dentro de rede de dados, muitas das vezes atacando organizações que conhecemos, isso acaba prejudicando muito o usuário.

Os dados nem sempre estão 100% protegidos dentro da máquina do usuário, geralmente são feitos backups em ambientes protegidos, mas como bloquear o acesso indesejado antes do seus dados subirem para um ambiente seguro?

O que é antivírus?

Primeiro vamos entender o que é um antivírus, nada mais é do que um software que detecta, e impede a atuação de programas maliciosos.

Existem várias formas da máquina contrair um vírus, e nesse momento é onde o antivírus é usado, para não deixar esses programas afetarem o seu computador.

Muitos vírus são de pendrives, e-mail, sites duvidosos e até mesmo download de arquivos, e alguns são realmente para roubar seus dados ou deixar sua máquina muito lenta, o dever do antivírus é não deixar isso acontecer.

Mas o antivírus não é somente para pequenos problemas, pode também deixar você seguro contra crimes virtuais, onde ele bloqueia o acesso ao seus dados, e deixa seus materiais e arquivos seguros.

O antivírus pode atrapalhar a nota fiscal

Sim isso mesmo, ele pode atrapalhar a sua emissão de notas por vários motivos, mas não se assuste que eu irei explicar o porque em alguns casos ele faz esse bloqueio.

Com a versão do windows de número 7, não tinha muita segurança do próprio computador, então se baixava antivírus para ter a proteção necessária.

NF-e

Mas hoje em dia não é mais preciso fazer esse processo porque o windows 10 em si tem um antivírus que faz todo o trabalho de qualquer outro baixado na internet, e o melhor, ele já vem instalado na máquina, só precisando de atualizações.

Na maioria das vezes no envio das notas fiscais um antivírus comum pode detectar como um site perigoso e gerar problemas, e tenho certeza que isso atrapalha na hora do seu faturamento.

A única maneira de evitar é dando permissões diretamente dentro do antivírus para os programas que você não quer que seja afetado.

A diferença entre o antivírus do windows e dos outros tradicionais, é que os tradicionais tem mais funcionalidades em fazer a busca e listar corretamente os problemas encontrados na máquina e o windows por sua vez, faz apenas o bloqueio.

Afinal usar ou não usar antivírus ?

Aqui chegamos na pergunta chave, recomendamos sempre estar usando um bom protetor, mas um que não atrapalhe no seu dia a dia, se na máquina da sua empresa já estiver o windows 10 recomendamos que use do próprio windows, pois ele já faz o bloqueio de todas as ameaças.

Mas se caso tenha um windows desatualizado, use um antivírus de sua confiança, mas procure dar as permissões necessárias para não atrapalhar na sua emissão de notas fiscais.

Dentro do programa geralmente tem uma aba onde são dadas as permissões, então apenas escolha o Freenfe como uma exceção e pronto.

DICA EXTRA JORNAL CONTÁBIL: Imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

O nosso parceiro Viver de Contabilidade criou um programa completo que ensina tudo que um contador precisa saber no dia a dia, Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa da Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Fonte: FreenFe