Normas Brasileiras de Contabilidade: O que é e quais são

0

As Normas Brasileiras de Contabilidade (NBC) foram elaboradas no intuito de regulamentar a atividade contábil no Brasil em 1976, no entanto, alguns anos depois, mais precisamente em 2006, houveram algumas adaptações para se assemelhar aos padrões internacionais, técnicos e éticos da profissão. 

Estas normas são administradas pelo Conselho Federal de Contabilidade (CFC), permitindo que haja uma padronização de todos os procedimentos contábeis para que estes profissionais tenham uma base ao aplicar as mesmas regras no serviço. 

Qual a importância das NBC?

As Normas Brasileiras de Contabilidade (NBC) asseguram a transparência na execução das atividades contábeis, além de se alinharem às normas internacionais, o que é um aspecto essencial, principalmente para aquelas empresas que têm a intenção de realizar alguma operação no exterior no futuro. 

É importante mencionar que, as NBC também promove mais eficácia para os processos operacionais, uma vez que impactam a maneira como as atividades são realizadas, portanto, tal adaptação permite que haja um padrão na execução das atividades, sem dar margem de erros evitando que o trabalho seja refeito. 

Principais Normas Brasileiras de Contabilidade

Criadas em 1976, as NBC já passaram por uma série de alterações para se adequarem aos padrões nacionais e internacionais da contabilidade, por isso, observe em quais classificações foram distribuídas:

Normas técnicas 

As denominadas normas técnicas envolvem aspectos importantes para a execução das atividades formais que os contadores precisam colocar em prática, além do que, são elas que regulamentam temas específicos da rotina de trabalho contábil. 

As normas técnicas possibilitam que os contadores apliquem procedimentos e conceitos contábeis padrões que precisam ser seguidos em determinadas situações, como: 

  • Normas completas: 70 regras que visam estabelecer diretrizes para o desenvolvimento de relatórios, demonstrativos, contratos, transferência de ativos e outras operações;
  • Normas simplificadas: diversas determinações contábeis voltadas para as PMEs (pequenas e médias empresas);
  • Normas específicas: regras que visam regulamentar atividades em organizações como entidades esportivas, setor público e cooperativo, entre outras;
  • NBC TSP: normas que envolvem o setor público. Seu objetivo é regulamentar contratos, sejam de concessão ou até de sistemas de informação de custos;
  • NBC TA: regulamentações para a auditoria contábil independente;
  • NBC TR: normas regulamentadoras de informações contábeis históricas;
  • NBC TO: normas que regulamentam informações não históricas;
  • NBC TSC: normas que regulamentam serviços que possuem correlação com a contabilidade, como no caso dos demonstrativos;
  • NBC TI: regras para que seja possível organizar os procedimentos de auditoria interna,
  • NBC TP: conjunto de normas que regulamentam o trabalho dos peritos.

Normas profissionais 

No caso das normas profissionais, estas, foram estabelecidas com o objetivo de regulamentar a execução das atividades dos contadores, as quais são divididas nas seguintes categorias: 

  • NBC PG: são aplicadas a contadores e profissionais da contabilidade. Aqui também se incluem outras quatro regras que estão relacionadas a essa norma mais geral, são elas: NBC PG 100, NBC PG 200, NBC PG 300 e NBC PG 12-R3, que regulamentam a educação continuada desses profissionais;
  • NBC PA: normas que regulamentam as atividades praticadas por auditores independentes. Estes também estão relacionados a mais cinco tópicos que possuem regras que abrangem qualidade, qualificação técnica, autonomia no trabalho, revisão externa, entre outros assuntos,
  • NBC PB: conjunto de normas que regulamentam as atividades dos peritos contábeis.

‍Normas internacionais 

Antes de entender a origem das Normas Brasileiras de Contabilidade, é necessário saber que elas também se baseiam nas Normas Internacionais de Contabilidade, desta forma, as NBC foram implantadas com o intuito de padronizar a apresentar as demonstrações contábeis, além de regulamentar as atividades da rotina contábil brasileira por todo o mundo. 

Isso porque, quando existe algum padrão global, é possível que cidadãos de vários países possam analisar e compreender os dados contábeis de todas as empresas, incluindo as brasileiras, o que permite a expansão de corporações multinacionais em diversos países. 

Além do mais, após compreender e se adequar às Normas Brasileiras de Contabilidade, os investidores estarão aptos a entender a real capacidade da empresa em gerar lucros, o que promove maior credibilidade para a companhia, permitindo que atraia mais investimentos. 

Contabilidade internacional 

Conforme apresentado anteriormente, ao adotar as Normas Brasileiras de Contabilidade, a empresa estará apta a se padronizar perante as normas internacionais. 

Como as NBC contribuem para o desenvolvimento da empresa

O primeiro aspecto que precisa ser considerado é quando se constrói uma relação entre as Normas Brasileiras de Contabilidade junto ao desenvolvimento da empresa, é que as regras possibilitam que o empreendimento opere diante de um determinado nível de transparência, o que é excelente se tratando das práticas contábeis. 

Outro fator que merece destaque consiste na possibilidade de interpretar dados contábeis por todos os países, ponto que é ainda mais importante quando há a expansão internacional da empresa, a qual também busca por investidores mundo afora. 

Sendo assim, a prática pode atrair capital estrangeiro ao seguir as normas, lembrando que é essencial que a empresa mantenha as operações financeiras em conformidade com os padrões internacionais.

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Por Laura Alvarenga