13°C 28°C
Uberlândia, MG
Publicidade

Funcionário recebe por engano R$ 1 milhão e foge

Funcionário recebe por engano R$ 1 milhão e foge

22/06/2022 às 19h55 Atualizada em 22/06/2022 às 22h55
Por: Jorge Roberto Wrigt
Compartilhe:
Imagem por @ale.bonato / freepik
Imagem por @ale.bonato / freepik

No Chile, um funcionário recebeu um depósito por engano de 281 pesos chilenos (R$ 1,6 milhões). Sacou o dinheiro e depois fugiu.

A empresa onde ele trabalhava o notificou a devolver o dinheiro, conforme informou o jornal Clarín. Ele deveria ir até a uma agência bancária, mas não apareceu. 

Muitas tentativas foram feitas, até que a empresa conseguiu falar com o homem. O funcionário disse que tinha dormido e que iria até à agência no dia seguinte, porém não foi.

Para surpresa da empresa, um advogado se apresentou como defensor do empregado, dizendo que o cliente não iria devolver o dinheiro porque o erro não foi dele. Nisso ele entregou a direção uma carta de demissão voluntária feita pelo funcionário.

A empresa entrou com uma ação na Justiça contra o homem por “apropriação indevida” e ainda não teve o dinheiro de volta.

O que faria você no lugar dele? O que é honestidade?

Segundo o dicionário, a honestidade é qualidade ou caráter de honesto, atributo do que apresenta probidade, honradez, segundo certos preceitos morais socialmente válidos.

Então, temos que crer que uma pessoa honesta devolveria o dinheiro a empresa, já que a quantia foi depositada por engano e não pertencia a ele.

Consciência

Sentimento ou conhecimento que permite ao ser humano vivenciar, experimentar ou compreender aspectos ou a totalidade de seu mundo interior. Será que alguém fica em paz consigo mesmo, tendo um dinheiro que não é seu?

Devolver

Dar, entregar ou enviar de volta; restituir. São palavras que combinam com pessoas que são honestas, que nunca vão ficar com coisas que não pertencem a elas.

O que diz a lei brasileira 

Um empregado verifica que foi depositado em sua conta pela empresa onde trabalha um valor por engano. 

O trabalhador embora fique super feliz, deve ter em mente que o dinheiro não lhe pertence, portanto, não pode simplesmente gastar e fazer o que bem entender com recursos que não lhe são de direito!

Mesmo que o empregado contemplado com o depósito ou recebimento de dinheiro por equívoco não tenha percebido, não é permitido ser omisso. Ele terá que devolver o dinheiro ao seu verdadeiro dono, sob pena de configurar o que se chama no meio jurídico de “enriquecimento sem causa”.

Art. 876. Todo aquele que recebeu o que lhe não era devido fica obrigado a restituir […]

Mesmo que você não tenha percebido que o valor entrou em sua conta e acabou gastando, será obrigado a fazer o ressarcimento. 

Apropriação indébita 

É o crime previsto no artigo 168 do Código Penal Brasileiro que consiste no apoderamento de coisa alheia móvel, sem o consentimento do proprietário. O criminoso recebe o bem por empréstimo ou em confiança, e passa a agir como se fosse o dono.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
15°
Tempo limpo

Mín. 13° Máx. 28°

14° Sensação
3.6km/h Vento
51% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h43 Nascer do sol
05h54 Pôr do sol
Qui 28° 14°
Sex 29° 15°
Sáb 30° 16°
Dom 31° 17°
Seg 32° 18°
Atualizado às 08h06
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,64 +0,84%
Euro
R$ 6,11 +0,75%
Peso Argentino
R$ 0,01 +1,39%
Bitcoin
R$ 395,962,70 +0,40%
Ibovespa
126,589,84 pts -0.99%
Publicidade
Publicidade