14°C 25°C
Uberlândia, MG
Publicidade

Novo ataque Russo contra Ucrânia deixa dois mortos e cinco feridos

Novo ataque Russo contra Ucrânia deixa dois mortos e cinco feridos

16/12/2022 às 16h53 Atualizada em 16/12/2022 às 19h53
Por: Esther Vasconcelos
Compartilhe:
Foto: Reuters / Gleb Garanich / Direitos Reservados / Agência Brasil
Foto: Reuters / Gleb Garanich / Direitos Reservados / Agência Brasil

Hoje, sexta-feira (16) a Rússia fez novos ataques contra várias cidades da Ucrânia, deixando um rastro de destruição. O ataque provocou cortes de energia de emergência em todo o país e no fornecimento de água em Kiev.

O governador da região atingida, Valentin Reznichenko informou que o ataque contra um edifício residencial deixou dois mortos e cinco feridos. O bombardeio aconteceu na cidade natal do presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, Kryvyi Rih.

"A escada foi destruída. Duas pessoas morreram. Pelo menos cinco ficaram feridas, incluindo duas crianças. Todos estão no hospital" escreveu governador regional Reznichenko no Facebook.

Leia Também: Sem trégua: Zelensky espera nova ofensiva russa no ano novo

Danos na infraestrutura de energia 

Desde o início de outubro, a Rússia tem lançado mísseis sobre a infraestrutura de energia ucraniana quase semanalmente. Desta vez os danos na infraestrutura de energia da cidade provocaram interrupções no abastecimento de água em todos os distritos da capital.

“Outra série de bombardeios em massa contra as infraestruturas de energia. Teremos cortes de energia elétrica de emergência”, afirmou o ministro da Energia, German Galushenko, no Facebook. 

Os ataques pioram cada vez mais a situação da população Ucrâniana, pois neste momento o país está em meio a temperaturas congelantes, entre um e três graus abaixo de zero, sem abastecimento de energia se torna praticamente impossível conseguir sobreviver.

Os prefeitos de Kharkiv e de Poltava também anunciaram que as cidades estão sem energia elétrica após os bombardeios. O prefeito de Kiev, Vitali Klitschko, informou que o ataque "segue em curso" e pediu aos moradores da cidade que permaneçam em abrigos.

Oleksandre Mamai pediu à população para desligar “todos os aparelhos elétricos”. O serviço de metrô também foi suspenso, pois as estações forma usadas de abrigo.

Também ocorreram 8 morte e 23 pessoas ficaram feridas após bombardeios ucranianos na região de Luhansk, controlada por Moscou no leste da Ucrânia.

Nesta segunda-feira (12), Zelensky declarou que a Ucrânia precisa de aproximadamente “2 bilhões de metros cúbicos” adicionais de gás para enfrentar o inverno, disse.

A declaração foi feita para os países do G7, após ataques Russos as infraestrutura energética do país nas últimas semanas. “O terror contra nossas centrais elétricas nos levou a utilizar mais gás do que o previsto. Por isso, precisamos de uma ajuda adicional neste inverno. Estamos falando de um volume adicional de cerca de 2 bilhões de metros cúbicos de gás que devem ser comprados”, declarou.

Leia Também: Papa Francisco pede menos gastos com o natal e mais doações 

Ataques no ano novo

Nesta quinta-feira 15/12, o presidente ucraniano Zelensky e seus principais comandantes, disseram ao The Economist, que não existe a possibilidade de haver um cessar fogo, mesmo durante o Natal e o Ano Novo.

O general Valery Zaluzhny e comandante militar geral na Ucrânia, disse esperar uma nova ofensiva russa no ano novo, e afirma que as forçar russas estão 100% preparadas.

Ele diz que os ataques podem acontecer nas melhor das hipóteses em fevereiro ou março, na pior das hipóteses no final de janeiro, e que os ataques poderão vir de qualquer lugar.

De acordo com o general, Oleksiy Gromov afirmou só haverá um cessar fogo, quando não existir mais nenhum único ocupante nas terras Ucranianas.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
25°
Tempo limpo

Mín. 14° Máx. 25°

24° Sensação
3.09km/h Vento
27% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h46 Nascer do sol
05h51 Pôr do sol
Ter 27° 15°
Qua 28° 15°
Qui 29° 16°
Sex 31° 16°
Sáb 31° 17°
Atualizado às 17h38
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,44 +0,26%
Euro
R$ 5,93 +0,04%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,03%
Bitcoin
R$ 367,613,93 +10,62%
Ibovespa
129,320,96 pts 0.33%
Publicidade
Publicidade