14°C 28°C
Uberlândia, MG
Publicidade

3 estratégias do RH para lidar com a saúde mental do colaborador

3 estratégias do RH para lidar com a saúde mental do colaborador

25/01/2023 às 14h57 Atualizada em 25/01/2023 às 17h57
Por: Ana Luzia Rodrigues
Compartilhe:

A saúde mental é assunto sério, e deve ser tratado como prioridade por cada um. Segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde) saúde mental é um estado de bem-estar no qual a pessoa é capaz de usar suas habilidades, recuperar-se do estresse do dia a dia e ser produtivo.

Hoje, o cuidado com a saúde mental é considerado um dos maiores problemas enfrentados pela sociedade. Assim, existem diversas ferramentas de cuidado, como terapias e medicamentos que auxiliam na preservação, não diferenciando se é uma empresa de instalação de aterramento ou uma montadora multinacional. 

Um dos maiores causadores de insônia, depressão e Síndrome de Burnout é o estresse causado pelo trabalho. Nesse sentido, é preciso equilibrar a necessidade profissional junto à qualidade de vida, para assim manter-se mentalmente sã em todos os aspectos. 

Leia também: Pesquisa aponta que 63% das mulheres têm sintomas de burnout

O que é o Departamento de RH?

O RH (Recursos Humanos) é o conjunto de colaboradores de uma organização. Dessa forma, a base do setor responsável são as funções de recrutamento, seleção, treinamento, remuneração e benefícios aos trabalhadores.

A área de RH surgiu com a primeira revolução industrial. Na época não tinha um posicionamento estratégico e se limitava a garantir o cumprimento das decisões dos patrões.

Com a chegada das leis trabalhistas e a mudança de postura da sociedade diante das relações de trabalho, o RH passou por uma grande transformação. Assumiu a responsabilidade de zelar pelas boas relações profissionais, enxergando o colaborador como parte importante do patrimônio da empresa.

Logo, o papel estratégico do RH (Recursos Humanos) pode auxiliar para preservar a saúde mental dos funcionários.

Importância do RH na saúde mental da equipe

Anualmente, os números de trabalhadores afetados por crises de estresse aumentam consideravelmente e, como dito acima, questões profissionais se refletem na saúde mental de cada um.

Por isso, é essencial que as empresas adotem todos os cuidados necessários para que este não seja um problema enfrentado por seus colaboradores, o que inclui o papel estratégico do RH, que deve ter a responsabilidade de criar programas de qualidade mental.

Uma das responsabilidade do Recursos Humanos é auxiliar na diminuição desses casos, oferecer suporte ao funcionário que manifestar qualquer sintoma e demonstrar não estar se sentindo bem com a situação. 

Além de questões de empatia, o funcionário que não tiver a saúde mental equilibrada não trará resultados positivos para a empresa, o que se reflete na equipe e nos setores que o envolvem.

Ações que o RH pode realizar 

A importância de prezar pela boa saúde mental dos colaboradores é notória e é preciso encontrar soluções para minimizar esse problema. Felizmente, existem maneiras de reverter, ou melhorar essa situação, e proporcionar um ambiente muito mais favorável para a produtividade e bem-estar de todos.

1 - Ambiente aberto e confortável

Um ótimo ponto de partida para zelar pela saúde mental dos colaboradores é proporcionar um ambiente de trabalho saudável, com horários mais flexíveis, por exemplo, e gestores compreensíveis com problemas.

Nesse caso, um modelo de gestão transparente e condescendente, que valoriza o desenvolvimento profissional e pessoal de cada profissional é fundamental. Esse tipo de administração deve observar sinais de riscos relacionados ao ambiente de trabalho como desmotivação, irritabilidade, queda da produtividade, estresse excessivo, fadiga e dificuldade de concentração. É preciso implementar medidas específicas que visam combatê-los.

Assim, os profissionais tendem a se sentir valorizados e incentivados a buscar um crescimento constante.

2 - Acompanhamento do bem-estar dos funcionários

Ao manter uma boa qualidade de vida no trabalho, o desempenho dos colaboradores nas atividades passa a melhorar e, por consequência, ocorre a redução da desmotivação, do estresse e dos índices de insatisfação com o trabalho. Com a redução desses aspectos negativos, a chance de haver uma melhora na saúde mental dos colaboradores torna-se maior.

Entre as alternativas que podem ser utilizadas, está a prática do feedback contínuo, que implica informar aos colaboradores sobre sua performance profissional ao longo do tempo. Essa prática inclui elogiar os bons resultados e mostrar os pontos que podem ser melhorados.

Além disso, existe também a avaliação de desempenho, que possibilita avaliar competências técnicas e comportamentais dos colaboradores, para, a partir disso, relacioná-los com a cultura da empresa. Pode ocorrer de tempos em tempos, para analisar a evolução do desempenho e do desenvolvimento das competências.

Por isso, é fundamental ficar de olho na equipe buscando avaliar o bem-estar, levando em consideração questões pessoais, emocionais, físicas e socioambientais. Ao analisar os resultados, torna-se necessário promover ações pontuais para amenizar conforme as situações vigentes.

Leia também: Saúde mental: Veja dez dicas de como usar as redes sociais de maneira saudável

3 - Estratégia de gestão de saúde

Uma gestão de saúde e qualidade de vida nas empresas depende de uma análise completa do perfil de saúde dos seus colaboradores.

A partir dos resultados obtidos, é possível inferir quais os problemas de saúde que mais impactam na rotina da empresa. Assim, torna-se mais fácil planejar e implementar estratégias assertivas e que, de fato, promovam os resultados esperados.

Algumas alternativas seriam recorrer à ações de massagens, psicologia organizacional, yoga, relaxamento, dentre outras metodologias eficientes para a questão. A partir disso, os benefícios vêm rápido: mais concentração, organização e redução do estresse no trabalho.

Por fim, vale lembrar que esse tipo de abordagem deve ser constante, e não somente ações isoladas.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Uberlândia, MG
16°
Tempo limpo

Mín. 14° Máx. 28°

15° Sensação
5.14km/h Vento
63% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
06h45 Nascer do sol
05h44 Pôr do sol
Sex 28° 15°
Sáb 28° 15°
Dom 30° 17°
Seg 31° 17°
Ter 31° 18°
Atualizado às 06h06
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,45 +0,00%
Euro
R$ 5,86 0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,36%
Bitcoin
R$ 383,534,57 +2,07%
Ibovespa
120,261,34 pts 0.53%
Publicidade
Publicidade