Novas normas de contabilidade: confira quais são elas

O Conselho Federal de Contabilidade é responsável por editar as Normas Brasileiras de Contabilidade (NBCs)

As novas normas de contabilidade foram publicadas no Diário Oficial da União de quinta-feira, dia 2. O documento traz a NBC TG 50 (Norma Brasileira de Contabilidade Técnica Geral), que estabelece contratos de seguros; além de fazer a revisão nº 2 da NBC do Auditor Independente (NBC TA) 315.

Também foi feita a identificação e avaliação dos riscos de distorção relevante, assim como a revisão NBC 11 – alterações decorrentes da NBC TA 315. Essas novas normas foram aprovadas Conselho Federal de Contabilidade (CFC), durante reunião promovida em meados de agosto, diante disso, continue conosco e entenda mais sobre essas alterações.

Normas de contabilidade

O Conselho Federal de Contabilidade é responsável por editar as Normas Brasileiras de Contabilidade (NBCs), que devem ser adotadas por todos os profissionais da contabilidade que atuam no país. Essas normas são estabelecidas levando em consideração a evolução das Ciências Contábeis e a aplicação do conhecimento atualizado. 

Vale ressaltar que o CFC também tem se preocupado com a convergência das Normas Brasileiras de Contabilidade aos padrões internacionais, portanto, a revisão das Normas Brasileiras de Contabilidade (NBCs) Técnicas e Profissionais, assim como dos Princípios de Contabilidade (Resolução CFC nº 750/93), fazem parte desse processo. 

Atualização das normas de contabilidade 

Dentre as novas normas estabelecidas no  documento NBC TG 50, estão as seguintes: 

NBC TG 50 – Contratos de Seguros

Essa norma pretende assegurar que a entidade forneça informações relevantes, para que seja acompanhado o efeito que os contratos de seguro têm sobre a posição financeira, assim como o desempenho financeiro e os fluxos de caixa da entidade. Essa norma entra em vigor em 2023, sendo assim irá revogar a NBC TG 11, editada a partir do IFRS 4. 

NBC TA 315 (R2) – Identificação e Avaliação dos Riscos de Distorção Relevante

Esta norma trata da responsabilidade do auditor na identificação e avaliação dos riscos de distorção relevante nas demonstrações contábeis. Sua vigência está prevista para 2022. A NBC TA 315 (R2) está alinhada à norma ISA 315, que foi revisada pelo International Auditing and Assurance Standards Board (IAASB) em 2019.

Revisão NBC 11 – Alterações decorrentes da NBC TA 315

Em decorrência das alterações da International Standards on Auditing (ISA) 315, essa revisão foi necessária. Sua vigência se dará a partir de 2022, sendo assim, fará alterações nas NBCs TA 200, 210, 230, 250, 260, 265, 240, 300, 402, 330, 500, 501, 530, 550, 540, 600, 610, 620, 701 e 720. Vale ressaltar que foi inserido item na NBC TR 2410 e a categoria profissional do auditor nos modelos de relatório do auditor.

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Com informações do CFC (Conselho Federal de Contabilidade)

Comentários estão fechados.