Novas parcelas do auxílio emergencial devem ser antecipadas

0

Novas parcelas do Auxílio Emergencial devem ser antecipadas agora que a Caixa Econômica Federal concluiu o calendário da primeira parcela.

A Caixa começa a liberar o calendário de saque em espécie e transferência bancária, e iniciar uma nova rodada de pagamentos da segunda parcela em conta poupança social digital.

O próprio banco informou que tanto a segunda parcela quanto as próximas podem vir a ser antecipadas esse ano. Segundo o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, esse ano os beneficiários estão usando cada vez mais o saldo digitalmente, o que permite a antecipação dos pagamentos.

“A partir da avaliação do pagamento deste primeiro ciclo, poderemos também antecipar os pagamentos dos ciclos 2, 3 e 4. Será como foi feito agora, onde primeiro publicamos o calendário, vimos como foi a dinâmica do pagamento, percebemos estarmos indo bem e, aí, antecipamos”, declarou o presidente da Caixa Econômica Federal, Guimarães.

Antecipação das parcelas

Tudo indica, como aconteceu com a primeira parcela, quando foi possível antecipar em dois dias o calendário de depósito em conta poupança social digital e até 14 dias o saque em dinheiro e transferência bancária, acontecerá com a segunda parcela.

Será necessário avaliar o comportamento do usuário para liberar a antecipação, foi que informou a Caixa Econômica Federal. Cada vez mais usuários optarem por movimentar o saldo por meio do Caixa Tem, optando cada vez menos pelo saque em espécie, mais fácil será do banco conseguir a antecipar o pagamento das próximas parcelas.

Se os usuários continuarem a seguir o mesmo padrão de movimentação na segunda parcela, como foi feito no pagamento da primeira parcela, basta aguardar as atualizações da Caixa referentes a antecipação dos pagamentos da segunda parcela.

Vale ressaltar que esta antecipação só é valida para os que se inscreveram via aplicativo, site e CadÚnico. Já os inscritos no Bolsa Família não terá o calendário alterado, sendo pago então nos últimos dez dias úteis de cada mês.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Aplicativo auxílio emergencial do Governo Federal. / Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Calendário do Auxílio Emergencial 2021

Calendário 1ª parcela – Auxílio Emergencial 2021 (aprovados até 12 de abril) app e site
Mês de nascimentoData do crédito em contaData para saque em dinheiro
Janeiro06 de abril30 de abril (era 04 de maio)
Fevereiro09 de abril03 de maio (era 06 de maio)
Março11 de abril04 de maio (era 10 de maio)
Abril13 de abril05 de maio (era 12 de maio)
Maio15 de abril06 de maio (era 14 de maio)
Junho18 de abril07 de maio (era 18 de maio)
Julho20 de abril10 de maio (era 20 de maio)
Agosto22 de abril11 de maio (era 21 de maio)
Setembro25 de abril12 de maio (era 25 de maio)
Outubro27 de abril13 de maio (era 27 de maio)
Novembro28 de abril14 de maio (era 01 de junho)
Dezembro29 de abril17 de maio (era 04 de junho)
Calendário 1 e 2ª parcela – Auxílio Emergencial 2021 (aprovados no dia 27 de abril) app e site
Mês de NascimentoCréditoSaque
Janeiro16 de maio08 de junho
Fevereiro19 de maio10 de junho
Março23 de maio15 de junho
Abril26 de maio17 de junho
Maio28 de maio18 de junho
Junho30 de maio22 de junho
Julho02 de junho24 de junho
Agosto06 de junho29 de junho
Setembro09 de junho01 de julho
Outubro11 de junho02 de julho
Novembro13 de junho05 de julho
Dezembro16 de junho08 de julho
Calendário 2ª parcela – Auxílio Emergencial 2021
Mês de nascimentoData do crédito em contaData para saque em dinheiro
Janeiro16 de maio08 de junho
Fevereiro19 de maio10 de junho
Março23 de maio15 de junho
Abril26 de maio17 de junho
Maio28 de maio18 de junho
Junho30 de maio22 de junho
Julho02 de junho24 de junho
Agosto06 de junho29 de junho
Setembro09 de junho01 de julho
Outubro11 de junho02 de julho
Novembro13 de junho05 de julho
Dezembro16 de junho08 de julho

Edição por Jorge Roberto Wrigt Cunha – jornalista do Jornal Contábil