Novo saque do PIS/Pasep, veja quais trabalhadores vão receber a partir de 2022

O abono salarial do PIS/Pasep será disponibilizado aos trabalhadores a partir de fevereiro de 2022

Com o adiamento do PIS/Pasep para o ano que vem bem como pela proximidade do final do ano a expectativa para recebimento do abono salarial em 2022 acaba ficando cada vez maior por parte dos trabalhadores.

O abono salarial é normalmente liberado em julho de um ano e se encerra em junho do ano seguinte, contudo, devido ao adiamento, em 2022 o pagamento do benefício ocorrerá a partir de fevereiro até dezembro para todos os trabalhadores que cumprem os requisitos do benefício.

Novo PIS/Pasep 2022

O pagamento do abono salarial no ano que vem sofrerá algumas mudanças, como dito anteriormente, o pagamento não se iniciará mais no segundo semestre de um ano e finalizará no primeiro semestre do ano seguinte.

Agora o pagamento deverá ocorrer sempre no mesmo ano calendário para todos os beneficiários, ou seja, entre janeiro e dezembro do mesmo ano, todos os trabalhadores deverão receber o PIS/Pasep.

Os valores do Abono Salarial serão pagos de janeiro a dezembro de cada exercício, aos trabalhadores identificados com base em informações prestadas pelos empregadores, no ano anterior.

Vale lembrar que o PIS/Pasep que será pago em 2022 será de até um salário mínimo vigente no ano que vem, ou seja, conforme a última previsão do salário mínimo de R$ 1.192, os trabalhadores poderão receber até R$ 1.192 no ano que vem.

Contudo, o valor pago pelo benefício varia conforme a quantidade de meses trabalhados, ou seja, quem trabalhou o ano todo receberá um salário mínimo, quem trabalhou menos tempo receberá o benefício proporcional.

Quem vai ter direito ao abono

As regras para recebimento do abono salarial não foram alteradas, assim basta se encaixar nos requisitos básicos do benefício para ter acesso ao PIS/Pasep em 2022.

Os requisitos necessários para receber o abono é estar inscrito no Programa de Integração Social (PIS) há cinco anos ou mais, ter recebido uma remuneração média de até dois salários mínimos no ano de 2020, ter trabalhado de carteira assinada por pelo menos 30 dias em 2020.

Além disso, é necessário se atentar se a empresa está enviando corretamente as informações dos trabalhadores na RAIS (Relação Anual de Informações Sociais).

Para consultar quem terá acesso ao abono salarial o trabalhador poderá utilizar as seguintes ferramentas:

  • No caso do PIS (trabalhadores de empresa privada): Por meio do aplicativo Caixa Trabalhador, no site da Caixa ou pelo telefone 0800 726 0207;
  • No caso do Pasep (servidores públicos): Por meio dos telefones 4004-0001 para capitais e regiões metropolitanas, 0800 729 0001 (demais cidades). Os deficientes auditivos podem ligar no telefone 0800 729 0088.

Comentários estão fechados.