O que acontece se o MEI deixar de pagar o boleto mensal DAS?

0

Se formalizar como MEI é uma das melhores alternativas para os trabalhadores informais entrarem para a legalidade. A formalização permite diversas vantagens como a emissão de notas fiscais, acesso a crédito e também a garantia de benefícios previdenciários como aposentadoria e auxílio-doença.

Para a formalização como Microempreendedor Individual será necessário ter um faturamento de até R$ 81 mil anuais e também não pode ter participação em outras empresas como sócio ou titular.

As grandes vantagens na escolha do MEI como regime de empresa são o baixo custo mensal e a falta de burocracia para abrir e pagar impostos.

O pagamento dos impostos mensais do MEI são realizados em uma única guia, o DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional). O pagamento desta guia é extremamente importante para manter o MEI dentro da legalidade.

MEI

O não pagamento do boleto DAS é passível de inscrição em dívida ativa. A Receita Federal envia os débitos direto à Procuradoria Geral da Fazenda Nacional – PGF, que poderá inscrevê-los em dívida ativa e realizar a cobrança em qualquer período.

Outro ponto que o MEI em caso de inadimplência deve ficar atento é que o não pagamento da guia mensal acarreta em prejuízo ou penalidade junto a Previdência Social.

O MEI que deixa de realizar o pagamento do DAS ainda mantém condição de segurado do INSS por 12 meses. O Cancelamento da condição ocorre a partir da 13ª parcela em atraso.

No caso do MEI que tem contribuição por mais de dez anos sem interrupções, a perda da qualidade de segurado se dará após 24 meses da interrupção da contribuição (pagamentos).

Dica Extra do Jornal Contábil: MEI saiba tudo o que é preciso para gerenciar seu próprio negócio.  Se você buscar iniciar como MEI de maneira correta, estar legalizado e em dia com o governo, além de fazer tudo o que é necessário para o desenvolvimento da sua empresa, nós podemos ajudar. 

Já imaginou economizar de R$ 50 a R$ 300 todos os meses com toda burocracia, risco de inadimplência e ainda ter a certeza que está fazendo suas declarações e obrigações de forma correta.

E o melhor é que você pode aprender tudo isso em apenas um final de semana. Uma alternativa rápida e eficaz é o curso MEI na prática. Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que um MEI precisa saber para ser autônomo e nunca mais passar por dificuldades ao gerir o seu negócio.

Quer saber mais? Clique aqui e mantenha sua empresa MEI em dia!