Bloco B

Se você é profissional da área contábil e gosta de investir em conhecimento, nada melhor do que preencher a prateleira com bons exemplares dos melhores livros de contabilidade e reservar alguns momentos para boas leituras.

Por isso, selecionamos os 10 melhores livros para que você não tenha mais dúvidas na hora de fazer aquela aquisição em uma livraria. Espero que gostem!

10 melhores livros de contabilidade

1. Manual de Contabilidade Tributária, de Paulo Henrique Pêgas

O livro Manual de Contabilidade Tributária, de autoria do Paulo Henrique Pêgas, já chega a sua 9º edição. A obra, dividida em 40 capítulos, é indicada principalmente para advogados, contadores, gestores empresariais e administradores.

Oferta Especial!

Nessa nova versão, ainda mais completa e atualizada, foi inserida a legislação tributária brasileira e sua relação com a contabilidade moderna, inclusive com as devidas adaptações vinculadas às normas internacionais.

E não para por aí!   O livro apresenta também os principais tributos do Brasil, além de trazer explicações e exemplos de como fazer cálculos de impostos.

2. Manual de Sobrevivência no Mundo Pós-SPED, de Roberto Dias Duarte

O livro Manual de Sobrevivência no Mundo Pós-SPED é de autoria de um dos palestrantes mais requisitados sobre o assunto, Roberto Dias. O especialista na área e professor do IPOG já visitou diversos estados brasileiros para explicar a empresários e gestores como proteger suas empresas e como gerar valor para suas marcas utilizando as redes sociais.

A obra já possui mais de 12 mil exemplares impressos vendidos e integra a série Big Brother Fiscal, cujo primeiro livro também abordou o assunto SPED. Ficou curioso para saber mais sobre esse assunto? Acesso o livro gratuitamente aqui.

3. Contabilidade de Custos, de Eliseu Martins

Mais uma dica de livro para quem não dispensa estar atualizado com o segmento contábil. Em sua décima edição, o livro “Contabilidade de Custos”  traz novidades sobre às disposições Técnicas do Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC), bem como das Leis nºs 11.638 e 11.941.

Totalmente adaptado para a realidade contábil brasileira, este livro reúne informações recentes sobre conceitos e tendências que envolvem a contabilidade de custos para fins decisórios, gerenciais e muito mais.

O livro é de autoria de Eliseu Martins, um dos principais representantes no país da escola americana de contabilidade.

4. Análise Avançada das Demonstrações Contábeis: Uma Abordagem Crítica, de Elizeu Martins, Josedilton Alves Diniz e Gilberto José Miranda

No livro “Análise Avançada das Demonstrações Contábeis”, os autores Elizeu Martins, Josedilton Alves Diniz e Gilberto José Miranda propõem uma abordagem sobre indicadores de desempenho econômico e financeiro e suas potencialidades.

De uma forma diferenciada e resumida, mostram também a perspectiva de quem está no ambiente externo da empresa e que utilizam apenas as informações de âmbito público nos processos de análise.

5. Contabilidade Empresarial, de José Carlos Marion

Para quem está à procura de um livro que traz uma abordagem sobre relatórios contábeis, o exemplar “Contabilidade Empresarial”, de autoria José Carlos Marion, é uma ótima opção.

Nesta obra, é evidenciado o quanto é importante o profissional de contabilidade se atentar a natureza de dados contábeis, seus significados e finalidades para a realização de práticas eficientes de escrituração.

O livro também é relevante para quem busca mais entendimento sobre a utilização da contabilidade como recurso de decisão e de orientação gerencial.

6. Manual de Contabilidade Societária: Aplicável a todas as Sociedades de Acordo com as Normas Internacionais e do CPC, de Sérgio de Iudícibus, Eliseu Martins, Ernesto Rubens Gelbcke e Ariovaldo dos Santos

O Manual de Contabilidade Societária é uma sugestão de leitura para quem quer ficar por dentro da Interpretações e as Orientações do Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC), considerando as normas internacionais de contabilidade emitidas pelo IASB – International Accounting Standards Board (Comitê de Normas Internacionais de Contabilidade).

7. Contabilidade tributária, de Láudio Camargo Fabretti

Nada melhor do que investir em um aprendizado prático, não é mesmo? No livro “Contabilidade Tributária”, o autor Láudio Camargo Fabretti, apresenta as noções fundamentais de Contabilidade, bem como da legislação tributária. Tudo isso descrita de uma maneira que possa ser aplicado no dia a dia empresarial.

8. Contabilidade aplicada ao setor público, de João Eudes Bezerra Filho

O livro “Contabilidade aplicada ao setor público” é mais uma opção para quem busca se manter informado quanto as renovações da contabilidade pública brasileira, principalmente em relação a integração das normas internacionais.

A obra é de autoria de João Eudes Bezerra Filho, que já foi membro assessor das Normas Brasileiras de Contabilidade aplicadas ao Setor Público, junto ao Conselho Federal de Contabilidade.

9. Descomplicando o SPED, de Fellipe Guerra

O livro “Descomplicando o SPED” é uma referência para profissionais que buscam estar atualizados sobre o Sistema Público de Escrituração Fiscal. O leitor de fato fará uma imersão nos mais diversos aspectos operacionais que envolvem esse sistema, isso de uma forma leve, objetiva e prática.

O livro é de autoria de Fellipe Guerra, Contador, consultor empresarial e especialista em SPED, Doutorando em Ciências da Informação com ênfase em Sistemas de Informações Tributárias pela Universidade Fernando Pessoa, em Portugal, e coordenador do MBA Contabilidade, Auditoria & Gestão Tributária do IPOG.

10. Contabilidade Básica, de Paulo Viceconti e Silvério das Neves

Já em sua 17ª edição, o livro “Contabilidade Básica” traz uma proposta introdutória e rica em conceitos para quem busca a essencialidade desta área.

Ele aborda temas como Nova forma de apresentação do Balanço Patrimonial e da Demonstração de Resultado; Nova definição do conceito de empresa coligada; Extinção dos grupos do Ativo Diferido e do Resultado dos Exercícios Futuros e criação do grupo Ativo Intangível no Balanço Patrimonial e muito mais.

O mais bacana é que ele está totalmente atualizando quanto as Normas Brasileiras de Contabilidade, já com as integrações das normas internacionais.

Fellipe Guerra – IPOG

Comente no Facebook

Comentários