Uma das grandes vantagens do Microempreendedor Individual (MEI), em relação à outras categorias, é a simplificação das obrigações legais, impostas pelo governo. Mas o MEI precisa de contador? De acordo com a constituição, o MEI não é obrigado a ter uma contabilidade, visto que é dispensado da escrituração fiscal e contábil.

MEI precisa de contador?

O recolhimento dos impostos, para quem se enquadra nessa categoria, é feito de maneira única, por meio do Simples Nacional. Contudo, eles não podem ultrapassar o faturamento bruto de até R$ 60 mil por ano.

Para a maioria dos empreendedores individuais, lidar com as tarefas corriqueiras do negócio demanda tempo e comprometimento, sendo assim, encontrar uma forma prática de cumprir as exigências legais é de ótimo proveito.

Mesmo que você não seja obrigado a ter um contador, há casos em que esse profissional pode ser de grande auxílio em sua profissão. Quer saber como? Então continue lendo esse artigo!

Oportunidade de ter o apoio de profissionais experientes

Com o intuito de fazer com que seu empreendimento evolua, você pode contar com a colaboração de especialistas no mercado. Esse é um diferencial significativo, oferecido por profissionais de contabilidade.

Como eles trabalham com diferentes perfis de clientes, é muito provável que eles já tenham vivido situações semelhantes, com as encontradas na sua empresa. Assim podem trazer soluções mais pertinentes, do que outros profissionais sem experiência.

Da mesma forma, ao aliar o Know How com o conhecimento interno da sua empresa, eles tendem a contribuir com ideias que facilitam investimentos, apostas em novos nichos e respaldo para as tomadas de decisão.

escritório de contabilidade oferece à sua empresa uma contribuição significativa em termos de parceria de negócios. Assim, toda vez que algo der sinais de que pode causar problemas, você pode pedir a orientação da equipe e dessa forma ter conselhos úteis para agir corretamente.

A contabilidade auxilia a reduzir gastos

Para que você consiga trabalhar tranquilamente é fundamental contar com uma boa organização contábil. Isso diz respeito a fatores como um bom entendimento das leis, que regulam o setor, e experiência para lidar com diferentes práticas do dia a dia.

Mesmo sendo um MEI você sempre terá que lidar com questões contábeis. Emitir notas fiscais, recolher impostos, fazer declaração de IR, pagar um fornecedor ou colaborador, etc. Para fazer isso, você pode terceirizar o serviço de contabilidade, contratar um funcionário ou fazer tudo sozinho, correndo o risco de cometer erros.

Optando por terceirizar sua contabilidade, você paga somente pelo serviço prestado. O que representa uma economia significativa, comparado a contratar um contador. Além disso, é muito mais difícil — e caro — reunir profissionais de alto nível dentro de sua empresa. O que você ter contratando os serviços de um escritório de renome.

Normalmente, o empreendedor individual tem uma rotina atarefada, pois precisa lidar com clientes, fornecedores e empresas. Dessa forma, terceirizar a contabilidade é a maneira mais econômica e eficaz, visto que assim você fica livre para focar em seu trabalho.

O MEI tem mais tempo para se concentrar no trabalho

Você abriu sua empresa, desenvolveu as estratégias para conquistar espaço no mercado, pensou em um diferencial, tem um excelente serviço, mas está sempre preocupado com questões fiscais, tributárias e contábil. Nesse caso, é inevitável que a produtividade não seja a ideal.

Ao repassar essas atribuições burocráticas para uma empresa especializada no assunto, você tem a possibilidade de se concentrar naquilo que realmente entende para alcançar os seus objetivos. Assim, com maior atenção a eles fica mais fácil direcionar seu empreendimento.

Nesse fator um contador também é muito útil a você. Um escritório de confiança é capaz de elaborar relatórios simplificados para facilitar o entendimento dos gestores e embasar a tomada de decisões.

Facilidade para lidar com as mudanças legais

Uma característica da legislação tributária brasileira é que ela muda constantemente. Isso exige dos profissionais uma preocupação com a sua atualização profissional.

Fica evidente que o setor contábil, quando não dada a devida atenção, oferece riscos aos não especialistas, que se aventuram e tentam resolver os problemas da empresa por conta própria.

Contar com uma equipe séria e focada nesse tipo de serviço certamente é um diferencial, pois garante que você não precise estar o tempo todo de olho nas eventuais mudanças legais. E muito menos tenha que investir em cursos de atualização para se adaptar às novas exigências.

Além disso, os riscos tão comuns de cometer erros nas declarações, muitas vezes em função da falta de conhecimento dos processos, são reduzidos a zero, o que livra sua empresa de sofrer penalizações e transtornos com os órgãos do governo.

Auxílio para o crescimento do seu negócio

Embora o MEI seja uma categoria importante e bastante estratégica para o empreendedor dar seus primeiros passos, não dá para não pensar no progresso do seu empreendimento. Afinal, todo empreendedor deseja crescer não é mesmo?

É bom lembrar que o MEI contempla apenas profissionais que faturam até R$ 80 mil anuais, o que corresponde a R$ 6.750,00 mensais. Isso significa que, quando seu empreendimento crescer, será preciso procurar por serviços contábeis.

Antecipando essa necessidade futura, contar com profissionais qualificados na área contábil, desde a abertura do negócio, pode representar também um investimento em termos de planejamento.

Isso porque terceirizando o setor contábil de sua empresa você obtém uma equipe especializada tanto na resolução de problemas contábeis quanto na estruturação do empreendimento em função de sua atividade.

Algo que será determinante para reduzir gastos com impostos quando sua empresa já não estiver mais enquadrada como MEI. Assim, contando com um serviço contábil logo na abertura da empresa você garante menor dificuldade e maior foco no seu crescimento a longo prazo.

Lembre-se: escritórios qualificados concentram-se em oferecer mais do que conhecimento legal, assim, eles são capazes de dar a devida orientação ao empreendedor sobre diferentes tipos de procedimentos.

Até mesmo como parâmetro, a contabilidade bem-feita pode ser uma solução para sua empresa, pois ela ajuda a entender melhor os resultados obtidos.

Dica: Atenção você contador ou estudante de contabilidade, conheça nosso treinamento voltado para contadores iniciantes, ensinando na prática procedimentos contábeis que todo contador precisa saber, mas que não se ensina na faculdade.

Tudo que você precisa saber para saber para abrir, alterar e encerrar empresas, além da parte fiscal de empresas do Simples Nacional, Lucro Presumido e MEIs, Contabilidade, Imposto de Renda. Quer saber mais? Então clique aqui e não perca esta oportunidade!

Sobre o autor: A ContSimples é uma empresa de contabilidade online