Principais duvidas sobre o consórcio de imóveis

Você sabe como funciona o consórcio de imóvel? Confira este artigo e conheça as principais vantagens do consórcio e como fazer um.

0

O sonho da casa própria é um dos desejos mais comuns entre os brasileiros, e a possibilidade de comprá-lo à vista é um sonho maior ainda.

Porém, está longe de ser a realidade da maioria.

No entanto, o que muitas pessoas não sabem é que fazer a compra de um imóvel é algo muito mais acessível do que parece!

Principalmente porque uma das formas de realizar esse sonho é fazer um consórcio de imóvel.

Na verdade, muitos consumidores não fazem ideia de como funciona o consórcio de imóveis e desistem de fazê-lo por isso.

Consórcio de imóvel funciona mesmo?

Nos últimos anos, muitos brasileiros encontraram no consórcio de imóvel uma ótima oportunidade para realizar o sonho da casa própria.

Especialmente porque a possibilidade também é possível quando o consumidor não pode fazer uma compra à vista ou não tem chances de conseguir um bom financiamento.

Por exemplo, quando até quem tem nome sujo pode fazer consórcio.

Dessa forma, toda a popularidade do consórcio imobiliário acontece pela possibilidade de comprar um imóvel com mais facilidade.

Afinal, nessa modalidade de compra, é possível adquirir um imóvel de maneira parcelada e bem planejada.

Além disso, a flexibilidade do consórcio também é uma vantagem que já ajudou, inclusive, muitos brasileiros a realizar o sonho da casa própria.

No entanto, ainda existem muitas dúvidas sobre como funciona o consórcio de imóvel, o que afasta alguns interessados.

Pensando nisso, vamos lhe explicar em detalhes como a compra de imóvel através do consórcio funciona, suas principais vantagens e todo o passo a passo para conseguir um.

Acompanhe a leitura e tire todas as suas dúvidas sobre consórcio de imóveis!

O que é um consórcio imobiliário, afinal?

Consórcio é uma invenção brasileira, que se popularizou na década de 60.

Surgiu, na verdade, como uma possibilidade às limitações dos empréstimos e financiamentos oferecidos pelos bancos do país na época.

Há vários tipos de consórcios, como para veículos por exemplo, e o imobiliário é um deles.

Em resumo, o consórcio de imóvel é a junção de um grupo de pessoas com um mesmo interesse, que é a compra de um imóvel, com o objetivo de arrecadar uma quantia de dinheiro durante certo tempo, por meio de pagamentos normalmente mensais dessas pessoas.

Com o resultado desse pagamento, todo mês um integrante do grupo é premiado com uma Carta de Crédito, que será usada para a compra do imóvel.

Ao fim do prazo estabelecido de pagamento mensal, todos acabam conseguindo conquistar a Carta de Crédito e o objetivo da compra do imóvel, mais cedo ou mais tarde.

Leia também: Como financiar um carro em 3 passos

Quais as principais vantagens do consórcio para imóveis?

Existem algumas vantagens em contratar um consórcio para imóveis, e entendê-las bem, antes da contratação é fundamental para não fazer um mau negócio.

Dentre elas, é importante destacar as seguintes:

  • Não é cobrado taxa de juros
  • Baixo nível de burocracia
  • Há possibilidade de acelerar a contemplação da Carta de Crédito

Para facilitar, acompanhe a explicação de cada vantagem e suas particularidades:

Não é cobrado taxa de juros:

A primeira e mais conhecida vantagem é que o consórcio não tem juros.

Como a intenção é usar o dinheiro das parcelas pagas pelos integrantes do consórcio para a aquisição do imóvel à vista, não é necessária a cobrança de juros.

Por isso, sem a necessidade de pagar juros sobre o valor de crédito contratado, essa se torna uma excelente alternativa para os clientes.

O que é cobrado, na verdade, é apenas algumas taxas impostas pela administradora do consórcio.

Dentre estas taxas estão a taxa de administração, fundo comum, fundo reserva e um seguro.

Baixo nível de burocracia:

Outro benefício bem característico do consórcio de imóveis é oferecer pouca burocracia para sua adesão e a aquisição do imóvel.

Em alguns casos, é possível até contratar um consórcio mesmo com restrição de crédito, o conhecido nome sujo ou nome negativado.

Mas é importante ressaltar que a situação deve estar regularizada, ou seja, seu nome estar limpo, para o recebimento da carta de crédito.

Leia também: Como tirar o nome do Serasa negociando dívidas

Há possibilidade de acelerar a contemplação da Carta de Crédito:

Você pode ser contemplado com a carta de crédito de um consórcio imobiliário de duas maneiras, por lance ou por sorteio.

E, para as pessoas que não desejam esperar serem sorteadas, é possível fazer lances, que funcionam como adiantamentos do restante do valor a ser pago. 

Caso o lance ofertado não seja o vencedor, o integrante do consórcio imobiliário não precisa fazer o pagamento do valor oferecido, podendo utilizar em outro lance no mês seguinte, por exemplo.

Como funciona o consórcio de imóveis?

O consórcio imobiliário funciona de forma bem simples!

Todo mês, todos os integrantes devem fazer uma contribuição financeira de determinado valor, que é definido conforme o valor do crédito do consórcio.

A pessoa que estiver interessada em entrar no consórcio, vai adquirir uma cota, passando a fazer parte do grupo consorciados cotistas.

E, até o final do consórcio, algum participante será contemplado todos os meses com a Carta de Crédito, e assim consegue o valor necessário para a compra do imóvel.

No entanto, se você não está com toda a paciência para esperar ser sorteado com a carta de crédito, você pode acelerar esse processo fazendo oferta de lances para antecipar a contemplação da carta de crédito.

Um ponto importante também de ressaltar é que existe a possibilidade de fazer uso do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para ofertar estes lances.

Qualquer consumidor pode fazer um consórcio?

Sim, o consórcio é bem mais acessível do que se imagina!

Qualquer consumidor acima de 18 anos pode adquirir um consórcio, até mesmo quem possui alguma restrição financeira e está com o nome negativado, por exemplo.

O único cuidado que uma pessoa com nome negativado deve ter ao aderir o consórcio, é que, por mais que a entrada no consórcio não exija o nome limpo, o uso da carta de crédito exige.

Por isso, é necessário que, ao longo do tempo de pagamento do consórcio, a situação seja regularizada e o seu nome fique limpo no momento da contemplação da carta de crédito.

Como funciona o pagamento do consórcio de imóveis?

O pagamento do consórcio de imóveis é feito de maneira parcelada e mensal.

Normalmente, a depender do consórcio, o participante recebe um boleto com o valor desta parcela mensal.

Porém, em casos de pequenos atrasos de menos de um mês, o pagamento vai ocorrer com a incidência de juros e multa sobre o valor da parcela.

No entanto, em casos de atrasos maiores que um mês a situação fica um pouco mais complicada.

Nesses casos, o cotista do consórcio pode até ser excluído do grupo, caso ainda não tenha sido contemplado com a carta de crédito.

E, além disso, se já tiver sido contemplado e não tiver utilizado a carta de crédito para a compra do imóvel, pode perder a contemplação.

E, por outro lado, caso já tenha usado, pode até mesmo perder o imóvel adquirido para que a sua dívida seja quitada.

Se você atrasar as mensalidades, é possível optar por três opções:

  • A troca do valor da carta de crédito
  • A negociação da dívida das parcelas atrasadas
  • Ou a transferência da sua cota para outra pessoa, que deverá quitar débitos

Como funciona a contemplação no consórcio de imóvel?

Uma vez que você tenha sido contemplado com a carta de crédito do consórcio imobiliário, você deve buscar a liberação do crédito.

Para a liberação do crédito, primeiramente o consumidor deve fazer a confirmação da contemplação do consórcio.

E, em seguida, fazer o cadastro com a documentação necessária juntamente com a administradora do consórcio.

Após a decisão do imóvel que irá comprar, o cotista deve procurar a administradora do consórcio e apresentar algumas informações do vendedor do imóvel e do próprio imóvel.

Prontamente é feita uma avaliação do cadastro do cotista contemplado por parte da administradora do consórcio, bem como a avaliação do próprio imóvel que se deseja comprar.

Essa etapa pode parecer ser um pouco burocrática, mas ainda é bem mais simples que processos de financiamento imobiliário.

Inclusive, algumas administradoras possuem processos de avaliação mais simples e acessíveis.

Ao fim, após a apresentação de todas as informações do imóvel, e a aprovação tanto da administradora do consórcio quanto do vendedor do imóvel, o crédito é liberado para a compra do imóvel. 

Para resumir, confira abaixo o passo a passo de como funciona o consórcio de imóvel:

  1. Após a contemplação, buscar a liberação de crédito
  2. Para isso, é preciso fazer a confirmação da contemplação
  3. Fazer o cadastro com a documentação necessária
  4. Procurar a administradora e apresentação informações sobre a transação
  5. A administradora fará a avaliação do imóvel e do proprietário do imóvel
  6. Após a avaliação, o crédito é liberado para o consumidor!

O que devo considerar antes de fazer um consórcio de imóvel?

O consórcio de imóveis só é considerado uma opção de investimento segura de fato quando a escolha pela administradora do consórcio é bem feita.

Por isso, é importante saber fazer essa avaliação.

Para isso, o primeiro passo indicado é verificar se a empresa administradora do consórcio está devidamente cadastrada e legalizada no Banco Central

Uma vez que a administradora está regularizada, é importante avaliar o nível de transparência que a administradora oferece.

Neste ponto é essencial olhar como é passada as informações sobre:

  • custos
  • formas de reajustes de parcelas
  • sorteios
  • e contemplações.

E, por último, é indicado avaliar a credibilidade da empresa administradora no mercado!

Dessa forma, é importante pesquisar na internet as avaliações dos clientes.

Você pode fazer isso consultando como se encontra a situação da empresa em sites como o Reclame Aqui e no ranking de reclamações do Banco Central.

Conclusão:

Agora que você já entende bem como funciona o consórcio de imóveis, você pode avaliar melhor se é o melhor investimento para você, e assim, conquistar o sonho da casa própria.

Na hora de contratar o seu consórcio imobiliário, não esqueça também de se planejar financeiramente para isso!

Pois, sem dúvidas, você precisará reservar um valor mensalmente para o pagamento das parcelas do consórcio.

Aqui você encontra um modelo de planilha de planejamento financeiro que pode lhe ajudar!

Por: Bruno Arruda 

Fonte: Resolvvi

Imagem: resolvvi