Como você sabe, o sistema tributário brasileiro é conhecido por ser extremamente complexo e burocrático. Isso faz com que muitas empresas enfrentem diversos problemas fiscais na sua rotina de negócios, uma vez que não conseguem acompanhar de forma efetiva as frequentes mudanças da legislação tributária e a crescente digitalização dos processos fiscais.

Com o surgimento do Sistema Público de Escrituração Digital – SPED – essas dificuldades se tornaram ainda mais evidentes. No entanto, é preciso estar atento: procedimentos realizados de maneira incorreta geram multas e outras penalidades para as empresas já que o processo de fiscalização realizado pelos órgãos responsáveis nota erros e inconsistências com mais facilidade.

Confira a seguir alguns problemas fiscais que causam grandes preocupações aos empresários:

5 Problemas fiscais enfrentados pelas equipes contábeis das empresas

1. Erros na emissão da nota fiscal eletrônica 

Você sabia que pode estar preenchendo as informações das notas fiscais eletrônicas emitidas pela sua empresa de forma incorreta? Um erro comum é não preencher corretamente os tributos, o que pode fazer com que a sua empresa pague mais impostos do que deveria.

No entanto, é relativamente simples evitar esses erros: hoje, o empresário pode contar com softwares fiscais que automatizam o processo, evitando erros de digitação e tornando a emissão de notas fiscais eletrônicas mais ágil e eficiente.

Algumas ferramentas, permitem a integração automática, e, nesse caso, o documento é gerado imediatamente enviado para os seus clientes por meio de um emissor de NF-e. Além disso, é preciso contar com uma equipe bem treinada e qualificada para exercer a função.

2. Problemas devido à situação cadastral da empresa

Você vende inúmeros produtos e serviços todos os dias, certo? Antes de efetivar os seus negócios, já pensou em verificar a sua situação perante o Fisco?

A sua empresa pode estar com a sua situação cadastral irregular, o que pode gerar multas e outras penalidades fiscais, como a impossibilidade de emitir notas fiscais eletrônicas.

Por isso, evite problemas desnecessários: apure se todos os dados da sua empresa estão cadastrados corretamente e se as informações prestadas estão de acordo com as atividades desempenhadas pela sua empresa.

3. Dificuldade em lidar com o excesso de documentos

Como você sabe, organizar corretamente os documentos fiscais de uma empresa não é uma tarefa fácil. Guardar arquivos fiscais de forma desorganizada ou não salvar regularmente esses documentos é um grande erro, que pode trazer consequências desastrosas para a sua empresa.

Uma solução para esse problema é investir em um software de gestão fiscal, solução capaz de armazenar digitalmente todos os documentos fiscais da sua empresa, o que facilita a busca. Além disso, essa ferramenta evitará que a sua empresa perca documentos importantes, que atestam que todas as obrigações fiscais devidas foram, de fato, cumpridas.

4. Não preencher a Nomenclatura comum do Mercosul (NCM) de forma correta

Todos os produtos vendidos devem exibir a Nomenclatura Comum do Mercosul correta. Isso é de fundamental importância para que a sua empresa pague alíquotas tributárias menores ou, em casos específicos, seja até mesmo isenta do pagamento de impostos.

Preencher a NCM corretamente evitará que o seu negócio seja notificado e multado pelas autoridades fiscais, caso haja alguma fiscalização.

5. Não pagar os impostos em dia

Empresas que não pagam seus impostos em dia podem ter grandes problemas fiscais, como a impossibilidade de distribuir o lucro da empresa entre os acionistas ou receber uma cobrança imediata, referente a todo valor devido. Um grande contratempo, não é mesmo?

Independente de qual seja o regime tributário escolhido pela sua empresa, ao realizar o seu fechamento anual os valores atrasados deverão ser quitados, o que inclui juros e multas. Portanto, fique atento as obrigações fiscais da sua empresa e pague-as sempre no prazo.

DICA EXTRA! Conheça o maior treinamento de Analista Fiscal do Brasil! O Programa de Formação em Analista Fiscal é o curso online mais completo, prático e atualizado sobre o setor fiscal e tributário do Brasil.Você que trabalha no setor fiscal precisa ter em mente que NÃO HÁ MAIS ESPAÇO PARA AMADORES.

Você vai aprender de maneira aprofundada, assuntos que não são abordados dentro das salas de aula das faculdades, o que é de fato cobrado dentro da realidade dos profissionais de contabilidade. Ou seja, você vai aprender de forma prática e aprofundada, a nossa legislação tributária, e como entender os principais tributos do nosso país e assim dominar totalmente o setor fiscal/tributário

Essa é a última chamada, as vagas estão se encerrando, e se matriculando hoje você ainda ganha inteiramente grátis os cursos de Analista em eSocial, Especialista em SPED, curso de Contabilidade na Prática, o livro digital Descomplicando o SPED e muito mais. Corra as vagas já estão acabando. Clique aqui e garanta a sua!

Conteúdo original Blendit