Este é um tema muito importante! É uma dúvida recorrente da rotina diária na relação cliente-contador. Algumas informações a contabilidade já possui.

Alguns exemplos são: receita mensal, quando o faturamento é de serviços e com nota fiscal eletrônica, impostos, folha de pagamento e encargos.

Já para outras informações, a colaboração do cliente é essencial.

Mas então, afinal, o que devo informar para minha contabilidade todos os meses?

O registro contábil deve ocorrer de forma tempestiva, ou seja, estar em dia.

Por isso, é de vital importância que, mensalmente, você informe todas as movimentações, financeiras ou não, que ocorreram em nome da empresa.

Confira o que informar para minha contabilidade

O cliente deve entregar para o seu contador o extrato bancário mensal, todos os comprovantes (nota fiscal, recibo, fatura, comprovante de pagamento) mensais de despesas que ocorreram em nome da empresa e outros documentos que você acredite serem necessários, como contrato de aluguel, compra e venda de bens, entre outros.

Contabilidade

Outros exemplos:

  • Extrato bancário de conta corrente e aplicação financeira.
  • Identificação dos recebimentos das notas fiscais emitidas (a entrada de recurso no banco refere-se a NF nº X). Bem como de descontos concedidos ou juros cobrados.
  • Conta de telefone, luz, internet, água.
  • Nota fiscal ou cupom fiscal de gastos com material de escritório, gráfica e similares.
  • Contratos e notas fiscais prestadores de serviços (qualquer natureza) tomados pela empresa.
  • Fatura da assistência médica.
  • Comprovante do pagamento da folha de pagamento (salários e encargos – INSS, FGTS, IR) – válido somente para os casos que tiver pró-labore e/ou empregados. No caso da folha de pagamento não ser processada pela contabilidade, será preciso você anexar todos os relatórios mensais de folha de pagamento.
  • Despesas da empresa pagas por sócios ou empregados. Neste caso, é necessário indicar a fonte pagadora.

Observações importantes:

  • O conteúdo e veracidade das informações entregues não são de responsabilidade da contabilidade. Assim como a não entrega ou entrega fora do prazo exigido para cumprimentos das obrigações legais existentes.
  • obrigatoriedade da Escrituração Contábil está prevista pelo Conselho Federal de Contabilidade.

DICA EXTRA JORNAL CONTÁBIL: Imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

O nosso parceiro Viver de Contabilidade criou um programa completo que ensina tudo que um contador precisa saber no dia a dia, Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa da Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Fonte: Conube