Quais são as atividades na área de TI que podem se enquadrar como MEI

Hoje vamos conhecer quais são as atividades dentro da área de TI que podem ser MEI.

Ser MEI, hoje em dia, tornou-se uma necessidade, visto que muitos perderam o emprego em crises recentes no Brasil que, desde 2015, aumentam a quantidade de pessoas que desistem de ir atrás de uma vaga no mercado de trabalho formal e, entre esses profissionais, podemos citar os que atuam na área de Tecnologia da Informação, mas, quais são as atividades dentro da área de TI que podem ser MEI e por que essa dúvida existe? 

Essa dúvida existe porque, ao contrário de muitos autônomos que recorrem ao registro de MEI, essa área é mais habitada por especialistas, cuja profissão é formalizada no mercado de trabalho e, por isso, teoricamente, não poderiam atuar como autônomos que são aquelas pessoas que fazem serviços específicos como manutenções de computadores, apenas.

No entanto, não podemos dizer que não existem possibilidades de empreender nesse setor e, por isso, vamos conhecer quais são as atividades dentro da área de TI que podem ser MEI.

Mas, quais as vantagens de ser MEI?

Antes de saber quais são as atividades dentro da área de TI que podem ser MEI, vamos entender quais as vantagens de um Micro Empreendedor Individual.

Uma das principais vantagens em ter um registro de MEI é que o profissional poderá emitir nota para as pessoas que exigem saber pelo que estão pagando e querem isso comprovado por meio de um documento fiscal também.

Então, quem não é MEI, não pode, por exemplo, emitir uma nota fiscal para um cliente que exige saber qual serviço foi exercido.

Nesta área de TI, isso é essencial, afinal, essas pessoas trabalham, muitas vezes, para empresas e, obviamente, toda empresa precisa prestar contas para a Receita Federal através de notas fiscais emitidas.

Por isso, o profissional que é MEI tem um CNPJ que, com o auxílio de um certificado digital, passa a emitir notas fiscais eletrônicas para seus clientes.

Mas, existe uma desvantagem também: limite de faturamento anual de 81 mil reais. Ou seja, esse profissional não pode ganhar mais do que esse valor por ano.

Então, quais são as atividades dentro da área de TI que podem ser MEI?

Então, quais são as atividades dentro da área de TI que podem ser MEI é a pergunta que ainda não foi respondida, por isso, abaixo, falaremos sobre algumas opções de registro para esses profissionais.

Caso uma pessoa decida abrir uma assistência técnica, ela pode começar como MEI, mas, provavelmente, o faturamento poderá superar os 81 mil reais ou a empresa precisará de mais funcionários e, nesse caso, terá de migrar para ME (Micro Empresa), onde as taxas são maiores.

Então, vamos direto ao ponto, afinal, quais são as atividades dentro da área de TI que podem ser MEI? Acompanhe.

Instalador de rede de computadores independente

Esse profissional atua na área de instalação de redes, seja em uma empresa como a Green Tecnologia, por exemplo, seja em uma residência e o CNAE desse profissional é 6190-6/99.

Como a área de TI é muito abrangente, existem diversos serviços que esses profissionais podem realizar e, entre elas, podemos encontrar esta que, por sua vez, é muito importante para a sociedade.

Técnico de manutenção de computadores independente

Com certeza, uma das principais funções de um especialista em TI é a de manutenção de computadores, afinal, esses profissionais trabalham principalmente com isso.

Portanto, quem pensa em abrir um registro de MEI para atuar em empresas como terceiro para realizar manutenção de computadores e diversos aparelhos periféricos, deve usar o CNAE 9511-8/00.

Comerciante de equipamentos de informática independente

Uma das vantagens de ser MEI é que essa pessoa pode vender itens relacionados à área em que ela atua e, nesse caso, o profissional de TI pode comprar produtos mais baratos e vender com lucro para pessoas que não entendem muito sobre esse mercado.

Então, quem se pergunta quais são as atividades dentro da área de TI que podem ser MEI, pode considerar essa como uma boa opção, afinal, esse especialista pode controlar o seu faturamento para que não ultrapasse os 81 mil reais. Nesse caso, o CNAE é 4751-2/01.

Instrutor de informática independente

Quem reparou a palavra independente depois de cada profissão citada? Isso foi proposital, afinal, um MEI é uma pessoa que exerce uma função independente de um contrato com alguma empresa e, por isso, pode ser contratado de diversas maneiras, segundo a Reforma Trabalhista.

O CNAE do instrutor de informática é 8599-6/00 e, esse profissional pode dar aulas particulares, por exemplo, para alunos que ainda estão engatinhando no mundo virtual.

Então, vale a pena exercer a profissão de TI como MEI?

Isso depende muito de cada pessoa, já que, muitos preferem a segurança de um contrato formal com a empresa e que trabalha, mas, quem pensa em ganhar mais dinheiro com sua profissão, pode pesquisar quais são as atividades dentro da área de TI que podem ser MEI e ir atrás de seu sucesso que sempre começa pelo empreendedorismo.

Dica Extra do Jornal Contábil: MEI saiba tudo o que é preciso para gerenciar seu próprio negócio. Se você buscar iniciar como MEI de maneira correta, estar legalizado e em dia com o governo, além de fazer tudo o que é necessário para o desenvolvimento da sua empresa, nós podemos ajudar.

Já imaginou economizar de R$ 50 a R$ 300 todos os meses com toda burocracia, risco de inadimplência e ainda ter a certeza que está fazendo suas declarações e obrigações de forma correta.

E o melhor é que você pode aprender tudo isso em apenas um final de semana. Uma alternativa rápida e eficaz é o curso MEI na prática. Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que um MEI precisa saber para ser autônomo e nunca mais passar por dificuldades ao gerir o seu negócio.

Quer saber mais? Clique aqui e mantenha sua empresa MEI em dia!

Comentários estão fechados.