Quem recebe os pagamentos do Auxílio Brasil em abril? 

Mediante ao fim da folha de março, beneficiários do Auxílio Brasil já se preparam para receber os pagamentos do mês de abril. 

Para quem ainda não sabe, o Auxílio Brasil trata-se de um benefício de transferência que tomou o lugar do programa Bolsa Família, extinto em outubro de 2021. Este ano, o novo benefício tem repassado valores de mínimo R$ 400 às famílias contempladas. 

No último mês de março, o programa chegou a casa de cerca de 18,5 milhões de famílias. Por sua vez, o Governo Federal tem adotado a prática referente às análises mensais no cadastro dos beneficiários, o que ainda pode acontecer em abril. 

Tais análises têm como objetivo certificar se as famílias aprovadas ainda se enquadram nas regras de concessão do auxílio. Caso alguma irregularidade seja encontrada, o pagamento do benefício é cessado. 

Em geral, os cortes ocorrem mediante ao descumprimento de algum requisito, envolvendo o limite de renda ou a composição familiar, por exemplo. Por sua vez, os procedimentos de análise, permitem que novos beneficiários venham a integrar o programa. 

Nesta linha, caso uma pessoa esteja conforme todos os requisitos exigidos pelo programa e ainda não foi aceito, ela poderá ser incluída pela triagem realizada pelo governo. 

Em resumo, todos os meses, há a probabilidade de inclusão de novas famílias, ou exclusão de pessoas já contempladas pelo benefício. 

Requisitos para receber o Auxílio Brasil

Para contar com a possibilidade de ser integrada na folha de pagamento do Auxílio Brasil, a família deve cumprir os seguintes critérios: 

  • Estar em situação de extrema pobreza: ter uma renda familiar de no máximo R$ 100 por pessoa; OU
  • Estar em situação de pobreza: ter uma renda familiar per capita entre R$ 100,01 e R$ 200. Neste caso, também é necessário que a família possua em sua composição, ao menos, uma gestante, ou menores de 21 anos; 
  • Por fim, é obrigatório que a família possua inscrição no Cadastro Único (Cadúnico) para programas socias. 

Quem ainda não possui cadastro no sistema, deve se dirigir à alguma unidade do CRAS (Centro de Referência de Assistência Social). Será preciso levar consigo uma determinada documentação, de todos os integrantes do grupo familiar. 

Importante! Caso você já possua a devida inscrição no Cadúnico, mantenha os dados informados no sistema atualizados, de modo a evitar a não inclusão do programa, ou a exclusão para quem é beneficiário. 

Datas de pagamento do programa

O Auxílio Brasil mantém os mesmos moldes de pagamento do antigo Bolsa Família, de maneira que os repasses ocorrem sempre nos últimos dez dias úteis do mês. 

Confira o calendário deste mês de abril organizado com base no último dígito do Número de Identificação Social (NIS). Lembrando que o indicador final, desconsidera o número após o traço. 

Final do NISData do depósito 
114 de abril
218 de abril
319 de abril
420 de abril
522 de abril
625 de abril
726 de abril
827 de abril
928 de abril
029 de abril

Benefícios do Auxílio Brasil 

Ao contrário do que muitos podem pensar, o programa não possui uma transferência de renda fixa, dado que o Governo Federal, concede uma série de benefícios complementares aos beneficiários. Confira: 

Benefício complementarValor do proventoPúblico alvo 
Auxílio Criança CidadãR$ 200 ou R$ 300Famílias integradas por crianças de até 4 anos, que não conseguem vagas em creche. 
Auxílio Inclusão Produtiva UrbanaR$ 200Quem comprova vínculo de emprego formal
Auxílio Inclusão Produtiva Rural:R$ 200Agricultores familiares inscritos no Cadúnico
Auxílio Esporte EscolarR$ 1.000 de uma única vez ou R$ 100 mensaisestudantes de 12 a 17 anos incompletos que se destacam em competições de jogos escolares
Benefício Primeira InfânciaR$ 130Famílias integradas por crianças de até 3 anos
Benefício Composição FamiliarR$ 65 por pessoaGestantes, cidadãos de 3 a 17 anos ou 18 a 21 anos matriculados na educação básica
Benefício de Superação da Extrema PobrezaR$ 65jovens de 18 a 21 anos incompletos
Regra de EmancipaçãoR$ 400 (recebimento da renda fixa do benefício por 24 meses)Beneficiários que tiveram um aumento de renda extrapolando permitido pelo benefício

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.