Quem trabalhou em 2021 vai receber o PIS em 2022?

O PIS/Pasep referente ao ano-base 2021 só deverá ser pago no ano que vem

A Caixa Econômica Federal encerrou no final de março o calendário do PIS/Pasep referente ao ano-base 2020. Porém, quem ainda não sacou tem até o final de 2022 para retirar o dinheiro.

Os trabalhadores estão em dúvida se vão receber ainda neste ano o abono salarial referente ao ano-base 2021. 

Ainda não foi definido quando será liberado o calendário referente ao PIS/Pasep ano-base 2021, conforme informou o Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat). 

O trabalhador que já recebeu o PIS/Pasep referente ao ano-base 2020 e está esperando que seja liberado o calendário referente ao ano de 2021, precisa saber que o abono salarial referente a esse ano só deverá ser pago em 2023.. 

O teto máximo do abono salarial é calculado sempre com base no salário mínimo, assim o próximo abono deve ter reajuste conforme o salário mínimo definido para 2023.

Quem tem direito ao abono salarial PIS/Pasep?

Terá direito de receber o abono salarial, o cidadão que trabalhou por pelo menos 30 dias com carteira assinada no ano-base, desde que tenha recebido média de até 2 salários mínimos.

O valor do saque Pis/Pasep é limitado a um salário mínimo para quem trabalhou 12 meses e é calculado individualmente conforme a quantidade de meses trabalhados.

Veja os requisitos para ter direito ao abono salarial:

Estar cadastrado no PIS/PASEP há pelo menos cinco anos;

Ter recebido remuneração mensal média de até dois salários mínimos durante o ano-base (2020);

Ter exercido atividade remunerada, durante pelo menos 30 dias, no ano-base considerado para apuração;

Ter seus dados informados pelo empregador (Pessoa Jurídica) corretamente na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS).

Abono PIS esquecido pode ser resgatado

Memso já tendo concluído os depósitos, a Caixa informou que muitos trabalhadores não sacaram o valor do abono salarial referente ao ano-base 2020.

Sendo assim, o trabalhador do setor privado recebe o PIS através da Caixa Econômica Federal e o servidor público pode retirar o dinheiro através do Banco do Brasil.

O prazo para  que trabalhadores e servidores públicos realizem o saque do abono Pis/Pasep segue até o dia 29 de dezembro de 2022.

Consultar Pis pelo CPF

Você pode consultar o abono salarial por meio do aplicativo da Carteira de Trabalho Digital (disponível para Android e IOS), quando será possível  ter acesso a diversas informações referentes aos contratos de trabalho, a média salarial do último emprego, período trabalhado e o número do Pis ou Pasep.

Após a atualização do aplicativo foi incluída também a consulta do Abono Salarial, que permite saber se o trabalhador teve o Pis/Pasep habilitado, o valor a que terá direito, a data de depósito ou o motivo que levou ao não recebimento, se for o caso. A consulta pode ser feita usando o número do CPF.

Comentários estão fechados.