Regras para se aposentar por idade mínima em 2021

Já está por dentro das novas regras da aposentadoria por idade? Apesar de esse ser um assunto com bastante destaque nos jornais nacionais há vários anos, muitos brasileiros ainda desconhecem quais rumos o governo dará aos seus futuros.

Com as novas regras em vigor, como a versão atualizada da reforma impacta a sua vida? Se não está muito por dentro dos termos e das mudanças, este é o momento de entender e, principalmente, de se preparar para planejar melhor o seu futuro.

Antes da aprovação da Reforma da Previdência, a aposentadoria por idade era destinada a trabalhadores homens de 65 anos com mínimo de 15 anos de trabalho e mais 180 meses de carência. Já para as mulheres, ela estava disponível para quem tivesse 60 anos e tivesse trabalhado a mesma quantidade de anos e com o mesmo período de carência dos homens: 15 anos mais 180 meses.

Isso ficou valendo até 12 de novembro de 2019, quando as novas regras da aposentadoria entraram em vigor em nível nacional.

Quais os requisitos para a aposentadoria por idade?

A partir de 13 de novembro de 2019, quando a reforma passou a vigorar, há novos requisitos para a aposentadoria por idade que ficaram assim:

Homens: 65 anos e 15 anos de trabalho e contribuição;

Mulheres: 62 anos e 15 anos de trabalho e contribuição.

Contudo há pessoas que se enquadram nas regras de transição. Nelas estão previstas três categorias para a aplicação das regras de transição, em sua totalidade todas acrescentam 6 meses ao período mínimo de contribuição estipulado pelo INSS. 

Vejamos as três possibilidades de se aposentar ainda em 2021 por idade idade mínima. Acompanhe as regras e reflita se no seu caso vale realmente a pena solicitar o benefício.

Aposentadoria por pontos 

Nesta regra, será considerado uma pontuação em que será resultante da soma da idade com o tempo de contribuição do segurado. Desta forma, cada ano de contribuição do solicitante da aposentadoria será correspondente a 1 ponto, o mesmo acontece para cada ano vivido por ele. 

Em razão disso, para ser possível se aposentar este ano, é preciso que segurados atinjam por volta da seguinte pontuação: 

  • Para homens: 98 pontos;
  • Para Mulheres: 88 pontos.

Para se adequar a regra de transição por pontos, o homem precisa ter somado 35 anos de contribuição, enquanto a mulher precisa de 30 anos.

Aposentadoria por idade progressiva

Essa categoria de transição, funciona de forma que é acrescentado 6 meses a idade do segurado até ele atingir a faixa etária mínima necessária. Portanto para se aposentar em 2021, homens e mulheres devem atender às seguintes condições:

  • Para homens: 61 anos + 6 meses, além de possuir ao mínimo 35 anos de contribuição; 
  • Para Mulheres: 56 anos + 6 meses, além de possuir no mínimo 30 anos de contribuição. 

Aposentadoria por idade

Para requerer este benefício é preciso ter ao menos 15 anos de contribuição. Além disso, para ter acesso à aposentadoria por idade este ano, os segurados do INSS, devem estar conforme aos requisitos de idade abaixo: 

  • Para homens: devem possuir 65 anos + 15 anos de recolhimento junto a previdência; 
  • Para mulheres: devem possuir 60 anos mais 6 meses + 15 anos de recolhimento junto a previdência.

Dica Extra do Jornal Contábil: Compreenda e realize os procedimentos do INSS para usufruir dos benefícios da previdência social. 

Já pensou você saber tudo sobre o INSS desde os afastamentos até a solicitação da aposentadoria, e o melhor, tudo isso em apenas um final de semana? Uma alternativa rápida e eficaz é o curso INSS na prática

Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que você precisa saber para dominar as regras do INSS, procedimentos e normas de como levantar informações e solicitar benefícios para você ou qualquer pessoa que precise. 

Não perca tempo, clique aqui e domine tudo sobre o INSS.

ANA LUZIA RODRIGUES

Comentários estão fechados.