Roubos e Furtos de veículos tem aumento durante a Quarentena

São Paulo e Rio de Janeiro lideram índice de roubos de veículos, aponta levantamento da Smartia.

0

A circulação de veículos diminuiu durante a quarentena, mas uma pesquisa da Smartia mostra que roubos e furtos continuam a crescer pelo país. Por meio dos dados de uma empresa de rastreamento e localização de veículos, Grupo Tracker, é possível conferir o aumento de atendimentos na segunda quinzena de março, com 7,65% para roubo e furto, como aponta o levantamento.

Nesse período foi registrado alta de 14,5% nas ocorrências com carros, picapes e utilitários-esportivos. São Paulo possui o maior índice de ocorrências de roubos de carros, SUVs e pick-ups, sendo de 28,8%.

Índice nacional de roubo e furto de carros em 2019

veículos

A Smartia também realizou um levantamento de carros roubados e furtados em 2019. São Paulo e Rio de Janeiro possuem maior índice de roubos, somando 38.014 e 33.653, respectivamente.

Na capital paulista foram 5.691 roubos de carros, enquanto que a Grande São Paulo registrou 3.767 e o interior fechou o 4º trimestre com 2.862, totalizando 12.320 ocorrências registradas. 

Conforme dados do ISP/RJ, a região metropolitana do Rio de Janeiro registrou, em janeiro/2020, 3.144 veículos roubados. No mesmo mês de 2019, o total chegou a 3.617, fechando o ano com 38.589 roubos em todo o estado. 

No país foram registradas 152797 ocorrências de roubo de veículos em 2019, para uma taxa/100 mil de 73,29. Em relação ao índice de furtos, foram registradas 178112 ocorrências, para uma taxa/100 mil de 85,43.

Entre os carros mais vendidos em 2019, os cinco modelos mais roubados e furtados, conforme a SUSEP, foram: Voyage e Amarok (ambos da Volkswagen), Grand Siena (Fiat), Gol (Volkswagen) e o Logan (Renault).

Fontes: Justiça.gov.br, Sinesp, SSP/SP, Susep e ISP.