A Caixa Econômica Federal, fez um anúncio nessa quinta-feira sobre a possibilidade da pausa de 60 dias com pagamentos de contratos de empréstimo das parcelas, feito por pessoas físicas e jurídicas,  incluindo os habitacionais.

Tem a pausa de até duas prestações pelo APP HABITAÇÃO CAIXA (Disponível para Android e em breve IOS).

Para isso não será necessário o comparecimento às agências.

Podendo telefonar para 3004-1105 ou 0800 726 0505, opção 7.

A instituição reduziu os juros nas linhas de crédito pessoal (consignado à partir de 0,99% ao mês, penhor a partir de 1,99% e CDC a partir de 2,17%).

E para micro e pequenas empresas, o banco informou que haverá “reduções de juros de até 45% nas linhas de capital de giro, com taxas a partir de 0,57% ao mês”.

Deve ser liberado pela Caixa o saque do FGTS no 2 semestre

Somente será liberado pelo governo o saque imediato das contas do FGTS à partir do 2 semestre.

O governo vai esperar o encerramento dos pagamentos ao exército do Fundo PIS/PASEP em 30 de junho para começar a sacar o FGTS.

Caixa Econômica Federal

Foi encontrada essa solução pelo Ministro da Economia, para não prejudicar as Políticas Públicas, saneamentos e infraestrutura que são liberadas pelo FGTS.

O PIS/Pasep tem 21,5 bilhões disponíveis pelos trabalhadores e servidores públicos que ainda não foram sacados.

Foi feita uma avaliação que não resolveria correr para liberação dos saques, com toda essa pandemia, a população não teria condições de gastar.

Cotas do PIS/PASEP

As cotas do PIS/PASEP são nominais, mesmo não sacando não serão prejudicados, pois elas continuarão na conta dos trabalhadores, em forma de contas inativas do FGTS.

Os servidores terão direito ao PASEP, mas não ao FGTS.

Ainda não foi estipulado o valor do novo saque imediato do FGTS.

A Caixa Econômica Federal e agente operador do FGTS e o Banco do Brasil será do PIS/PASEP.

Quem ingressou no trabalho até 1988, poderá sacar as cotas do PIS/PASEP.

Portanto, os saques serão condicionados à algumas exigências, por exemplo, a aposentadoria.

Mas foi liberado pelo o Governo o saque para todos os trabalhadores independentemente da idade.

Apesar de muitos cotistas já estarem falecidos ou até mesmo não terem a informação que podem sacar o dinheiro.