Simples Nacional: MEIs que prorrogaram o pagamento do DAS devem voltar a pagar em outubro

Em março, o Comitê Gestor havia aprovado a prorrogação das guias DAS de março, abril e maio. Pagamento volta agora em outubro.

0

Para amenizar os impactos econômicos gerados pela Covid-19, o Comitê Gestor do Simples Nacional havia dado a possibilidade de os MEIs prorrogarem o pagamento da guia DAS de março, abril e maio por seis meses.

A prorrogação foi opcional e deu uma janela de tempo para aqueles que precisavam de fôlego para pagar o DAS.

No entanto, os seis meses já se passaram e, agora, os MEIs que optaram por esse tempo adicional devem voltar a pagar o boleto.

A medida começou a valer para os tributos de março com vencimento em abril, de abril com vencimento em maio e de maio com vencimento em junho.

Muitos se confundiram com a data e acharam que os tributos referentes a fevereiro, que venciam em março, entravam na conta.

Por isso, em março, a quantidade de MEIs que não pagaram o DAS foi recorde: no total, 59,3% deixaram o pagamento em aberto, de acordo com a Receita Federal.

Quais parcelas do DAS MEI devo pagar agora?

O MEI que não pagou o DAS com vencimento em abril deve pagá-lo até 20 de outubro – a nova data de vencimento.

simples nacional
Simples Nacional

Veja, a seguir, o novo calendário de pagamento:

DAS com vencimento em abril

A guia com vencimento original em 20 de abril de 2020 ficou para 20 de outubro de 2020.

DAS com vencimento em maio

A guia com vencimento original em 20 de maio de 2020 ficou para 20 de novembro de 2020.

DAS com vencimento em junho

A guia com vencimento original em 22 de junho de 2020 ficou para 20 de dezembro de 2020.

O que é o DAS MEI?

O DAS é o Documento de Arrecadação do Simples Nacional.

Ele é uma guia de pagamento que reúne todos os tributos que o MEI deve pagar mensalmente.

Seu valor varia conforme o serviço prestado pelo empreendedor, mas fica na casa dos R$50.

O DAS-MEI vence no dia 20 de cada mês e pagá-lo em dia garante que sua empresa esteja regularizada com a Receita Federal.

Aqueles que não quitam mensalmente sofrem multa de 0,33% por dia de atraso, com limite de até 20%.

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Fonte: Azulis