Todo empresário, seja de longa data ou iniciante, precisa conhecer o Simples Nacional e entender como ele funciona. Dessa forma, você consegue avaliar quando ele poderá ser vantajoso para o seu negócio.

Pensando nisso, a Vers Contabilidade resolveu unir uma série de dicas para mostrar aos empreendedores de todo tipo quando exatamente o Simples Nacional vale a pena.

Então, se você ainda não conhece muito sobre esse assunto, está iniciando em um novo negócio ou está tendo problemas com impostos dentro da sua empresa, continue acompanhando as informações e detalhes importantes que vamos lhe fornecer.

O que é o Simples Nacional e como ele funciona?

Simples Nacional é um regime tributário que serve, principalmente, para ajudar microempresas ou empresas de pequeno porte a fiscalizarem seus tributos, bem como realizarem sua arrecadação e cobrança.

Esse regime está previsto na Lei Complementar 123, de dezembro de 2006. Ele, basicamente, representa uma forma unificada e, como o próprio nome diz, simplificada de pagar impostos.

Para ingressar no Simples, as empresas precisam não só se encaixar no perfil de micro ou pequena empresa e obedecer às obrigações previstas na legislação em questão, como também formalizar a sua solicitação.

Seja como for, a Vers Contabilidade, especializada em ajudar empresas de todo tipo a crescer, pode te ajudar e te mostrar como esse regime realmente funciona e o que você deve fazer para que ele seja vantajoso para o seu negócio.

Quais impostos estão inclusos?

Simples Nacional recolhe impostos na esfera federal municipal, estadual e também sobre a previdência privada. Veja quais são a seguir:

Esfera Federal

  • PIS (Programa de Integração Social);
  • IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados);
  • COFINS (Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social);
  • CSLL (Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido);
  • IRPJ (Imposto de Renda para Pessoas Jurídicas).

Esferas Estadual e Municipal

  • CMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e prestação de Serviços);
  • ISS (Imposto Sobre Serviços de qualquer natureza).

Previdência privada

  • INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

Quais as vantagens do Simples Nacional?

Recentemente, o Simples Nacional sofreu algumas alterações, dentre elas, a necessidade de se realizar um cálculo específico para se obter as alíquotas requisitadas.

 

Por causa disso, os empresários estão se perguntando, mais do que nunca, se esse regime é vantajoso.

Para responder à essa dúvida, separamos todos os benefícios e também as desvantagens sobre esse sistema. Confira a seguir, em primeiro lugar, nossa lista de vantagens:

  • O limite de faturamento anual aumentou, sendo reajustado para o valor de R$ 4,8 milhões;
  • O teto estipulado para o MEI é também mudou para R$ 81 mil anuais;
  • O REFIS foi liberado, o que permitiu o parcelamento em até 120 meses para os débitos tributários;
  • Se sua empresa possui muitos funcionários, é possível conseguir a redução tributária;
  • Existe agora a possibilidade de ter subsídios financeiros sem que seja necessário realizar a inserção do quadro societário;
  • Inclusão de novas atividades: economia, auditoria, fomento mercantil, psicologia, medicina veterinária e comércio atacadista de vinhos, licores e cervejas.
  • Menor burocracia;
  • Recolhimento dos impostos a partir de uma única via;
  • Preferência para essas empresas no processo de licitações, como critério de desempate.

Quais as desvantagens do Simples Nacional?

Por outro lado, também existem alguns pontos negativos, nos quais se incluem:

  • Leiloeiros não são mais permitidos;
  • A empresa com poucos funcionários terá uma desobrigação tributária menor;
  • A empresa deverá pagar tributos mais altos ou mais baixos, exclusivamente de acordo com seu faturamento e/ou número de funcionários (fator R);
  • As faixas de alíquotas de tributação diminuíram de 20 para 6 atuais.

DICA EXTRA: O primeiro passo para contadores

Atenção você contador ou estudante de contabilidade, o trabalho para seguir com sucesso na carreira profissional é árduo, inúmeros são os desafios que vamos precisar superar nessa jornada. Mas tenha em mente que o conhecimento é o maior bem que você pode ter para conseguir conquistar qualquer que seja os seus objetivos.

Exatamente por isso apresentamos para você o curso CONTADOR PROFISSIONAL NA PRÁTICA, curso este aprovado por inúmeros alunos e que vem gerando uma revolução no conhecimento e na carreira de profissionais contábeis. 

O curso é sem enrolação, totalmente prático, você vai aprender todos os processos que um contador experiente precisa saber. Aprenda como abrir, alterar e encerrar empresas, além da parte fiscal de empresas do Simples Nacional, Lucro Presumido e MEIs. Tenha todo o conhecimento sobre Contabilidade, Imposto de Renda e muito mais. Está é uma ótima opção para quem deseja ter todo o conhecimento que um bom contador precisa ter, quer saber mais? Então clique aqui e não perca esta oportunidade que com certeza vai impulsionar sua carreira profissional!

Conteúdo via Vers Contabilidade