Simples Nacional: veja como consultar se o DAS foi pago corretamente

0

As empresas que fazem parte do Simples Nacional, possuem certas obrigações. Dentre elas está o pagamento do DAS (Documento de Arrecadação Simplificado), o que garante a regularidade do empreendimento e evita prejuízos ou penalidades. 

Desta forma, o empresário ou contador precisa fazer o acompanhamento do cumprimento desta obrigação, para saber se a guia realmente foi paga e compensada, o que evita dores de cabeça futuramente.

Então, para te ajudar a saber se os seus pagamentos estão em dia, elaboramos este artigo com um passo a passo para você verificar se o DAS Simples Nacional foi pago corretamente. 

O que é DAS?

Se você está iniciando no mundo dos negócios e ainda tem dúvidas sobre o DAS, saiba que nele estão todos os tributos que devem ser recolhidos pelas seguintes empresas: 

  • Microempresas (ME), 
  • Microempreendedores Individuais (MEI),
  • Empresas de Pequeno Porte (EPP). 

No total, são oito tributos que devem ser recolhidos corretamente por aquelas que optam por este regime tributário. Veja quais são eles:

  • Imposto de Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ); 
  • Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL); 
  • Contribuição para o Programa de Integração e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PIS/Pasep); 
  • Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins);
  • Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI); 
  • Imposto sobre Operações relativas à Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS);
  • Imposto Sobre Serviços (ISS);
  • CPP (Contribuição Previdenciária Patronal). 

Pagamento  do DAS 

Para verificar se o pagamento do DAS está em dia, é bem simples. Basta acessar o portal do Simples Nacional.

Depois, selecione a opção PGDAS-D (Programa Gerador do Documento de Arrecadação do Simples Nacional – Declaratório), que é utilizado para emitir as guias DAS e transmitir a Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais (DEFIS). 

Assim, faça o login com seu certificado, o código de acesso ou uma procuração eletrônica que funciona com a assinatura digital e que possui validade jurídica.

simples nacional
Simples Nacional

Assim, escolha a opção “Débitos” que está no menu principal e, depois, selecione a alternativa “Consultar/Gerar DAS” onde será possível conferir a lista completa dos débitos junto à Receita Federal. 

Caso haja valores em aberto, o responsável é informado por meio de um aviso de “Devedor” que aparece próximo ao menu.

O contribuinte tem ainda a opção de consultar o pagamento do DAS através do Centro Virtual de Atendimento (e-CAC) da Receita Federal. Para isso, siga as seguintes etapas: 

  • Faça login utilizando o código de acesso e senha, ou certificado digital;
  • Selecione a alternativa “Pagamentos e Parcelamentos”;
  • Clique na opção “Consulta Comprovante de Pagamento – DARF, DAS, DAE e DJE”;
  • Escolha o DAS e acesse a lista que contém todas as guias pagas, além dos períodos de apuração, datas de arrecadação, datas de vencimento e valor total a ser quitado pela empresa. 

Depois de verificar todas as informações do seu empreendimento, imprima os documentos e guarde para comprovar o pagamento, caso seja necessário. Esse procedimento te ajudará a se manter em dia com os órgãos fiscalizadores. 

Débitos em aberto 

Se durante este procedimento, for verificado que existem DAS em aberto, é necessário fazer a devida regularização.

Neste caso, é necessário solicitar por meio da plataforma a emissão do DAS total, onde constará o valor devido pela empresa. 

Parcelamento 

Se não for possível efetuar o pagamento dos débitos em parcela única, você têm ainda a opção de fazer o parcelamento do valor total da dívida, o que também garante a regularidade da empresa. O pedido deve ser feito através do próprio sistema. 

No caso do MEI, para calcular o pagamento do DAS em atraso, devem ser seguidas as mesmas dicas mas, a única diferença, é acessar a opção Programa Gerador do DAS do Microempreendedor Individual (PGMEI) com o CNPJ. Depois, seguir o seguinte passo a passo:

  • Selecione a opção “Consulta Extrato/Pendências”;
  • Depois escolha as guias pendentes e clique em “Apurar/Gerar DAS”;
  • Feito isso será emitido um documento PDF onde estarão os débitos em atraso e os códigos de barras para que seja realizado o pagamento.

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.
Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Por Samara Arruda