Pedido com mais de 7 mil vagas foi protocolado no ano passado e já teve mais de 15 movimentações, prevendo contratações de técnicos, peritos e analistas

Um novo concurso para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) pode estar chegando por aí! O pedido protocolado pelo órgão no ano passado teve importantes movimentações e encontra-se, agora, no gabinete do secretário de Gestão de Pessoas do Ministério do Planejamento, Augusto Akira Chiba. Foram solicitadas 16.548 vagas, dentre as quais, 7.580 se destinam a novas contratações no Concurso INSS 2018.

Só no mês de novembro, na solicitação protocolada foram feitas 15 movimentações. Após a análise no status atual, o pedido segue para a Secretaria de Orçamento, Assessoria Jurídica e, depois, para o gabinete do ministro do Planejamento. Das 7.580 previstas para novas contratações, 3.941 seriam reservas para técnico do seguro social, cargo de exige ensino médio. As demais seriam direcionadas às carreiras de perito (2.146) e analista (1.493).

As duas últimas carreiras exigem formação em nível superior, sendo específica em Direito para perito. São previstas remunerações iniciais de R$5.344,87 (para técnico), R$7.954,09 (para analista) e R$10.616,14 (para perito). Todos os valores já incluem o auxílio-alimentação. É importante frisar que o pedido enviado ao MPDG prevê, também, contratação de remanescentes aprovados no concurso de 2015 (Concurso INSS 2018).

O certame tem validade até agosto e, dele, poderão ser convocados mais 8.968 aprovados. As vagas seriam divididas entre 2.114 técnicos, 530 analistas e 6.324 aprovados fora do limite previsto em edital. Tal convocação seria feita mediante homologação suplementar, tamanha a necessidade de pessoal apresentada pelo INSS. Entretanto, a convocação extra edital depende de autorização do Planejamento e despacho do presidente Michel Temer.

Via Edital concursos Brasil

Comente

Comentários

Deixe uma Dúvida