Solicitação de crédito para microempresas agora pode ser feita pela internet

0

A tecnologia à serviço dos pequenos empreendedores, têm transformado relacionamentos entre microempresários e instituições bancárias.

A medida facilita o acesso à vários serviços, como por exemplo, o Microcrédito Produtivo Orientado que se trata de um programa destinado ao incentivo de atividades produtivas de pequeno porte. 

A novidade é que partir desta semana, a solicitação do crédito passa a ser simplificada.

De acordo com o Conselho Monetário Nacional (CMN), antes, o primeiro contato para o procedimento deveria ser feito de forma presencial e, agora, poderá ser realizado pela internet assim como todas as etapas para a concessão da linha de crédito.

Dentre as instituições financeiras que disponibilizam o serviço utilizando recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), estão o Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Banco Nacional de Desenvolvimento Social (BNDES), Banco do Nordeste e Banco da Amazônia. 

Por sua vez, aquelas que operam o crédito com a parcela dos recursos de depósitos à vista são: os bancos comerciais, os bancos múltiplos com carteira comercial e a Caixa Econômica Federal.

Sendo assim, cada uma delas é responsável por orientar o empresário e acompanhar o empreendimento durante o período de utilização do crédito, para garantir que os negócios sejam desenvolvidos da melhor forma possível.  

É importante ressaltar que tanto as condições quanto os valores do crédito são definidos após a avaliação da atividade e da capacidade de endividamento do empresário responsável.

As taxas do programa são limitadas à 4% ao mês. 

CLT

Quem pode solicitar a linha de crédito?

O programa de Microcrédito Produtivo Orientado é voltado à microempreendedores formais ou informais, responsáveis por atividades produtivas urbanas ou rurais.

Antes, a solicitação do crédito estava condicionado à renda ou receita bruta anual de R$200 mil por ano, passando para R$360 mil o limite de renda dos empresários.

A novidade foi anunciada pelo Banco Central, que acredita que iniciativa beneficiará maior número de interessados em pedir o microcrédito orientado, devido à diminuição de burocracia nos requisitos técnicos. 

O que precisa para fazer a solicitação?

  • É necessário ter recebido orientação financeira;
  • Ser maior de 18 anos;
  • Não ter nome incluído em cadastro de inadimplentes como Serasa, SCPC (serviço Central de Proteção ao Crédito), CADIN (cadastro Informativo de Créditos não Quitados do Setor Públicos Federal), dentre outros;
  • Ser aprovado em análise de crédito 
  • Comprovar capacidade de pagamento 

Por: Samara Arruda